+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

As empresas querem ajudas para manter o emprego

 

10/05/2020

Os parques de lazer estão conscientes de que som «o imã da viagem para muitas pessoas. O sector fatura mais de 600 milhões a cada ano graças a seus mais de 35 milhões de visitantes e proporciona lucro indireto a hotéis e estabelecimentos de seu ambiente. O coronavirus tem atrasado sua abertura mais de um mês, tempo no qual têm seguido/continuado financiando despesas de manutenção.

O sector dos parques temáticos reclama um plano de apoio ao Governo central para poder/conseguir manter as planteis/quadros, bem como linhas de crédito ou ajudas diretas. E recorda que som os «únicos fornecedores de serviços culturais que não foram devolvidos ao tipo reduzido do IVA de 10% após a crise financeira de 2008».