+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

A junta eleitoral de zona insta a Pizarro e governo local a retirar dois notícias

O acordo se pode recorrer e o presidente da Câmara Municipal anuncia que se fará

 

REDACCIÓN PLASENCIA
09/05/2019

A Junta Electoral de Zona de Plasencia ha acordado «interessar» ao presidente da Câmara Municipal e aos membros da equipa de governo local do PP a que retirem dois notícias publicadas em meios de comunicação e redes sociais por considerar que são «contrárias» aos postulados dos parágrafos 2 e 3 do artigo 50 da Lei Orgânica do Regime Electoral Geral.

A resolução se tem ditado em resposta a uma denúncia do representante do PSOE de Plasencia em relação a três notícias publicadas em meios e redes sociais, referentes à alargamento de horário da biblioteca municipal; o projeto de substituir os bananas de sombra pelas alergias e o plano de {bacheo}.

A junta eleitoral de zona considerou que a primeira é «uma informação aos cidadãos sobre/em relação a um serviço público» e, portanto, não contravem a LOREG, mas sim as outras duas.

O acordo também «interessa» ao presidente da Câmara Municipal e governo local a que «se abstenham no sucessivo de publicitar notícias que contravenham» o artigo 50, «baixa advertência de que, de reiterar-se, se procederá a instaurar o correspondente processo sancionador por infração eleitoral».

Não obstante, esta resolução se pode recorrer à Junta Electoral Provincial de Cáceres e ainda que ontem, o gabinete de imprensa da Câmara Municipal solicitou aos meios a retirada das notícias, o presidente da Câmara Municipal anunciou que o acordo se recorrerá.