+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

A instituição provincial apela à participação e ao acordo/compromisso coletivo para acelerar a recuperação económica

Tem aberto um período de consulta para conhecer as procuras de empresas, autónomos/trabalhadores independentes e câmaras municipais

 

Equipas. Distribuição de material sanitário nos municípios badajocenses. - EL PERIÓDICO

Desinfeção preventiva. Se levaram a cabo mais de 375 atuações. - EL PERIÓDICO

Redacción AA MONOGRÁFICOS
10/05/2020

A Diputación de Badajoz trabalha na busca de soluções que contribuam à reativação económica da província, e o faz implicando e comprometendo à cidadania de forma individual e coletiva, bem como a outros agentes internos e externos à própria administração provincial.

Após uma primeira fase de resposta imediata aos problemas que se aconteciam diariamente em nossos municípios, no que o urgente era colaborar com as autoridades sanitárias e facilitar às entidades locais o necessário para isso, em forma de desinfeção de espaços, fornecimento de {EPIs}, moratória tributária para cidadãos e empresas, injeção de liquidez mediante adiantamentos dentro de sua arrecadação, etc.…; chega o momento de pensar no futuro.

Junto ao dramático impacto que o alerta sanitária tem tido na saúde e na vida de tantas pessoas, esta crise tem impactado na realidade social e económica dos nossos povos/povoações e já se está a fazer notar em boa parte do tecido produtivo da província.

Perante esta situação, a instituição provincial esteve analisando e reconsiderando seus orçamentos com o objetivo de habilitar os recursos necessários para aprovar um ambicioso programa de medidas que acelerem a reativação económica, gerem atividade nas empresas dos sectores mais prejudicados e contribuam à criação de emprego. E para isso, se pretende contar com todos.

Naturalmente com as câmara municipais, mas também com as empresas, e em geral com a sociedade civil, para identificar quais som suas necessidades e apresentar as soluções que melhor contribuam à saída desta crise. Câmaras municipais, empresas e autónomos/trabalhadores independentes foram consultados numa grande sondagem para conhecer de primeira mão suas necessidades.

A Diputación de Badajoz, que tem alinhadas suas políticas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, recorda que a Participação Social é uma peça chave no âmbito dos {ODS} 16 e 17.

AÇÕES. A Diputación de Badajoz por meio de seus diferentes organismos e meios tem realizado uma importante lavor/trabalho para paliar os efeitos da pandemia. Assim os bombeiros do Consórcio de Prevenção e Extinção de Incêndios ({CPEI}) têm centrado muitos de seus esforços em realizar intervenções de limpeza e desinfeção em multiplas residências de maiores/ancianidade, que já superam o centenar.Uma estratégia que evidencia sua política social e seu firme/assine acordo/compromisso com a segurança, ao incrementar a qualidade higiénica destas instituições sociosanitárias.

Além disso, ao iniciar/dar início's o estado de alarma, a instituição tem posto a disposição do Servicio Extremeño de Salud (SES) e a Junta de Extremadura as instalações da residência universitária Hernán Cortés para acolher a profissionais que estão a trabalhar para fazer frente ao coronavirus, se têm ido incorporando sanitários alojando's no centro enquanto o necessitem.

A residência dispõe de um total de 82 quartos distribuídos em três módulos. Para acolher aos sanitários que através do SES solicitaram praça/vaga, a Assembleia provincial preparou 27 quartos e 55 camas com têxteis e mobiliário comprado expressamente pela instituição para acolher com as máximas garantias de segurança aos residentes que agora convivem no centro Por enquanto se alojam na residência Hernán Cortés quinze sanitários, treze mulheres e dois homens, que foram destinados ao Hospital Universitário de Badajoz.

A Diputación de Badajoz tem desenvolvido um total de 375 atuações de desinfeção preventiva exterior em cada um dos 125 municípios da província que tinham requerido de seus serviços, segundo do Plano desenhado ao efeito. Dentro das medidas estabelecidas pelo plantel/elenco de governo provincial para fazer frente à pandemia se planificou, entre outras, o desenvolvimento de dois linhas de atuação perfeitamente diferenciadas. Já está a funcionar uma quarta fase de desinfeções.

A primeira delas, o fornecimento a todos os municípios da província e entidades locais menores de garrafões de {hipoclorito} com uma capacidade, por cada uma delas, de 20 litros e que permitem a geração, mediante dissolução com água, de 2.000 litros de solução desinfetante.

A segunda tem consistido num serviço de desinfeção integral, o qual permitiu atuar sobre/em relação a os pontos críticos, mais expostos ao contágio, mediante maquinaria e pessoal especializada.

A Diputación de Badajoz está repartindo material sanitário de proteção em municípios da província. Concretamente, o material adquirido pela Instituição Provincial e que distribui nos 165 municípios da província, está composto por 55.000 pares de luvas, 20.000 máscaras cirúrgicas, 6.500 ecrãs faciais protetoras, 5.000 fatos de proteção individual, 5.000 óculos de proteção individual e 11.000 máscaras do tipo {FFP2}.

Igualmente, dentro das diversas diretrizes marcadas pela Diputación de Badajoz para tratar de paliar os efeitos económicos adversos derivados da crise sanitária, a redução dos tempos de pagamento a fornecedores ocupa, sem dúvida alguma, uma posição preferente dentro delas.

A Área de Economia e Finanças da Assembleia provincial provincial encontra-se redobrando esforços desde que se decretasse o estado de alarma no nosso país no passado 14 de Março. Assim, no período decorrido desde/a partir de esta data até ao 24 de Abril se têm materializado pagamentos a fornecedores por um montante de 15 milhões de euros, o que vem a supor um incremento do 120% em relação ao mesmo período do exercício anterior.

De outro lado, um 82,3% dos empregados da Diputación de Badajoz estão a trabalhar em seus domicílios por meio de sistemas telemáticos. A instituição provincial conta com 1.500 trabalhadores, e deste percentagem se exclui aos bombeiros, que em estado de alarma estão a disposição do Ministerio del Interior, pessoal de manutenção que continua a trabalhar {presencialmente}, ou aqueles que por seu ofício (empregados de viveiros, ganadaria, ou pessoal de estrada) devem estar em o seu posto de trabalho de forma física.

A Delegação de Cultura e Desportos da Diputación de Badajoz, consciente da difícil situação na qual encontra-se o panorama cultural por ocasião do estado de alarma decretado pela pandemia do coronavirus, tem lançado o programa A cultura num novo tempo.

{OAR}. Finalmente, com o objetivo de contribuir a evitar um impacto económico prolongado para além de a crise sanitária e em atenção às dificuldades que a situação excecional gerada pelo {covid}-19 pode implicar para as obrigações tributárias, o presidente da Diputación de Badajoz tem adotado uma série de medidas relativas à gestão {recaudatoria} no Organismo Autónomo/trabalhador independente de Arrecadação ({OAR}) que permitirão contar com um prazo de tempo mais largo nos pagamentos das obrigações tributárias geridas por este organismo. Em benefício das câmaras municipais da província, se contribui ativmente desde/a partir de o {OAR} a garantir sua sustentabilidade financeira pondo a disposição de estes 36 milhões de euros que correspondem aos adiantamentos a conta dos meses de Abril, Maio e Junho, que poderão solicitar-se de forma ordinária. Além disso, o {OAR} voltou a alargar alguns de seus prazos de gestão tributária.