+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Cinemas Vitória assumirá o pessoal de {Cinesa} se Acciona aprova a sua oferta

O acordo com {Cinesa} se subordina a que «possamos assinar com Acciona», destaca. O proprietário da entidade {ofertante} está à espera de que a {arrendataria} se decida

 

Instalações de {Cinesa} O Fórum de Mérida, numa imagem de arquivo. - EL PERIÓDICO

CARMEN HIDALGO
11/01/2019

Os trâmites para que Mérida recupere os cinemas avançam a bom ritmo. {Cinesa} chegou a um acordo com a empresa que gere Cinemas Vitória de Almendralejo em torno da gestão das seis salas de projeção cinematográfica do centro comercial O Fórum, após seu fecho na terça-feira passada. Segundo informou ontem a este diário/jornal o diretor de relações institucionais de {Cinesa}, Tomás Junquera, através de este acordo Cinemas Vitória assumiria o pessoal atual de {Cinesa} O Fórum formada por uma quinzena de trabalhadores que voltariam a seus postos com as mesmas condições laborais.

Para que este acordo tenha validade é necessário que Cinemas Vitória e a empresa {arrendataria} Acciona cheguem a um acordo. Sobre/em relação a este assunto, o proprietário de Cinemas Vitória, Juan Ignacio Villegas, explica que já se apresentou uma oferta mas ainda se está à espera da resposta de Acciona. «Há outras empresas que também estão interessadas nos cinemas e no fim é Acciona a proprietária do local e a que tem que decidir-se», sustenta o empresário. Desta forma, precisa, o acordo ao que se chegou com {Cinesa} «está subordinado a que possamos assinar com Acciona». «Essa é a realidade de tudo», sublinha.

Em relação ao acordo prévio que têm rubricado ambas empresas, {Cinesa} comprometeu-se a deixar as instalações «em perfeito estado» para que as salas possam voltar a pôr-se em funcionamento ao público o quanto antes. Segundo o diretor de relações institucionais de {Cinesa}, Acciona e Cinemas Vitória «têm um pré-acordo», e tão somente estão à espera de assinar o contrato.

«Queríamos seguir/continuar em Mérida com os cinemas, mas o incremento de rendimento bastante alto por parte de Acciona não nos permite poder/conseguir continuar», sublinha Junquera. «O mais importante para nós era deixar ao pessoal colocado e que Mérida não perdesse os cinemas porque seria uma perda importante para a cidade», sustenta. «Nossa intenção era que eles (Cinemas Vitória) se ficassem com o pessoal do cinema para que ninguém se fosse à rua», explica o responsável da companhia.

O presidente da Câmara Municipal de Mérida, Antonio Rodríguez Osuna, reiterou ontem que «terá cinema» no centro comercial O Fórum «com total segurança», ao passo que assegurou que a assinatura do contrato entre a {arrendataria} e a nova empresa «é questão de dias», embora não deu nomes. Cabe {recordar} que os cinemas de O Fórum {echaron} o fecho na terça-feira passada, depois de/após que Acciona e {Cinesa} não chegassem a um acordo para a continuidade das salas que alberga o centro comercial emeritense.