+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Os autocarros urbanos e táxis se somam a uma campanha contra as agressões sexistas

Os trabalhadores receberam uma formação centrada na matéria

 

Cabeças, Aragoneses e {Moreno}, ontem, no interior de um autocarro urbano. - EL PERIÓDICO

REDACCIÓN MÉRIDA
23/11/2019

Os autocarros urbanos e táxis de Mérida se têm somado à campanha de sensibilização contra as agressões sexistas em lugares de lazer e períodos feriados que a Câmara Municipal pôs em marcha em 2017, para o que se levou a cabo uma ação formativa com o pessoal. Os condutores da concessionária de autocarros urbanos de Mérida, {Vectalia}, receberam formação para conhecer o projeto bem como as diferentes formas de agressões sexistas, como detetá-las e atuar frente a elas, segundo explicou ontem a delegada de Igualdade, Ana Aragoneses, junto à responsável de {Vectalia}, Cristina Moreno, e o representante do coletivo de taxistas, Miguel Ángel Cabezas, na apresentação da campanha.

Nesta linha, a Câmara Municipal tem elaborado vídeos informativos para a formação dos taxistas já que os horários de trabalho impossibilitavam fazê-lo de forma combina. As duas empresas têm assinado um acordo/compromisso de boas práticas contra as agressões sexistas com o que seus meios de transporte adquirem o distintivo de ‘Espaço livre de agressões sexistas’ identificados com {cartelería} e adesivos.

Segundo Moreno, não se têm detetado casos de agressões entre os usuários dos autocarros urbanos da cidade. Por seu lado, Cabezas assinalou que os táxis querem criar um «ambiente de segurança» neste transporte e recordou que já tomam algumas medidas como esperar a que as mulheres acedam ao portal de suas casas antes de ir-se embora.

A vereadora animou aos emeritenses para que vão à manifestação contra a violência de género convocada para esta segunda-feira, que começará as 18.30 horas na praça/vaga de Acontecimento Portais e finalizará às 19.30 horas na praça/vaga Espanha com uma concentração.