+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

A sociedade do aprendizagem põe o foco no poder/conseguir do indivíduo

Vara: «Temos de ensinar aos filhos a ter um pensamento crítico»

 

REDACCIÓN MÉRIDA
24/01/2020

O II Congresso da Sociedade do Aprendizagem da Extremadura, que conta com mais de 850 participantes, põe o foco no poder/conseguir do indivíduo para ensinar como ser proativo, por meio de palestras e oficinas em torno da atitude, a inovação e a comunicação. O objetivo do encontro, organizado pela administração regional, é avançar/adiantar através da inovação para responder aos desafios globais e locais e fomentar um progresso responsável que contribua a superar as desigualdades, explica a Junta numa nota.

Num ambiente tão mudável como o atual, é imprescindível a soma de talento e a atração de projetos coletivos, bem como, o desenvolvimento de competências e habilidades por meio de itinerários, cada vez mais personalizados, para conseguir a transformação do conhecimento ao serviço duma ideia ou projeto comum.

Durante a inauguração do evento, o presidente da Junta, Guillermo Fernández Vara, tem apontado que a sociedade atual necessita conhecimentos, projetos e aptidões novas e que a aprendizagem deve ser permanente ao longo/comprido de toda a vida. Por isso, entende que temos de ensinar aos filhos a refletir e ter um pensamento crítico, algo que considera fundamental e a base do aprendizagem.