+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Extremadura perde mais de um milhar de eleitores e 5.400 jovens se estreiam

Na região estão chamadas às urnas 899.419 pessoas

 

Votações nas últimas eleições legislativas na região. - EL PERIÓDICO

REDACCIÓN CÁCERES
26/10/2019

Um total de 5.615 jovens, 3.684 da província de Badajoz e 1.931 da de Cáceres, poderão exercer pela primeira vez seu voto nas eleições do 10N na Extremadura, que perdeu 1.124 eleitores relativamente aos eleições legislativas do passado Abril. A delegada do Governo na Extremadura, Yolanda García Seco, informou ontem de que ao todo estão chamados às urnas 899.419 pessoas, 554.983 da província de Badajoz e 344.436 da cacerenha.

Do total dos extremenhos que podem participar nas eleições, 27.833 são residentes no estrangeiro. Os mais numerosos se concentram em França, Alemanha, Argentina, Suíça, Brasil e Reino Unido.

García Seco precisou que Extremadura se divide nas circunscrições eleitorais de Cáceres e Badajoz, e à frente de cada uma delas há uma Junta Electoral Provincial. Além disso, cada circunscrição se divide por sua vez em Juntas Eleitorais de Zona, doze badajocenses e seis cacerenhas, formada cada uma por um presidente, quatro vogais e um secretário.

Para estas eleições, a região, com 388 municípios, 519 distritos e 965 secções, conta com 1.411 mesas de voto, as mesmas que nas eleições de faz uns meses, localizadas em 798 colégios electorais, quatro mais por motivos de organização e acessibilidade para os cidadãos.

Os eleitores extremenhos poderão optar no 10N por oito candidatas na província de Badajoz, tanto/golo para o Congresso como para o senado, e nove para cada uma das câmaras na província de Cáceres.

MEIOS MATERIAIS / Quanto aos meios materiais, a Delegação do Governo tem habilitado/tesoureiro já as urnas, as cabinas, os boletins de voto de votação e os envelopes, bem como os documentos a disposição dos componentes das mesas de voto —listas de numerados de votantes, manuais e as diferentes atas a confecionar pelos membros das mesas.

Relativamente aos meios humanos, trabalharão nestes eleições 19.265 pessoas entre {Fueras} e Corpos de Segurança do Estado, membros das junta eleitorais e das mesas de voto, pessoal colaborador das câmaras municipais, trabalhadores da Delegação do Governo e as duas subdelegações, bem como de outros organismos da Administração do Estado como o {Ine} ou Correios.