+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Vinte empresários se formam para fazer crescer o sector turístico

A primeira jornada foi ontem em Mérida e o resto, até Julho, serão na cidade

 

Os empresários de Trujillo assistente ao início do curso sobre/em relação a economia social. - EL PERIÓDICO

SOLEDAD GÓMEZ prov-caceres@extremadura.elperiodico.com TRUJILLO
09/05/2019

Uma vintena de empresários de Trujillo e sua região iniciaram o curso Economia social: Estratégias de melhoria na direção e gestão das empresas do sector turístico e da hotelaria na região de Trujillo. O arranque teve lugar ontem na sede da Escola Superior de Hotelaria e Agroturismo ({ESHAEX}) em Mérida, ato ao que assistiu o secretário-geral de Emprego, Javier Luna, quem incidiu em que no sector do turismo conseguir a melhor estratégia para conseguir que os visitantes vão aos estabelecimentos «é a chave e não toda a gente consegue acertar», salientou.

Para além de ter vontade e interesse/juro, «é necessário também saber muito, ser um grande profissional para captar aos clientes, bem como mudar e transformar coisas», lhes aconselhou. Também, o secretário-geral de Emprego assinalou que tudo o que seja fazer crescer o sector do turismo e a hotelaria em Trujillo «significa que vai haver emprego, contratos e mais pessoas trabalhando».

Esta ação formativa, que se iniciou com a lição de abertura a cargo da enóloga Isabel Mijares, se dará cada quarta-feira em Trujillo, com o fim de melhorar a competitividade das empresas do sector turístico e a hotelaria desta localidade e sua região. Se prolongará até ao 26 de Junho, que será quando comecem as tutorias individualizadas, sendo o 24 de Julho a jornada de encerramento/encerra {networking}. As primeiras sessões se realizarão em grupo, baixo/sob/debaixo de o formato de oficinas, nos que se abordarão temas mais globais, que permitam uma visão integral do destino turístico, e o papel que cada empresa desempenha na cadeia de valor. Igualmente, se porá a manifesto a importância do trabalho em rede para melhorar a competitividade do destino, com a finalidade de que cada participante chegue a identificar pontos de melhoria na atividade que desenvolve.

a publicidade / Finalmente, se abordarão questões como o marketing 5.0, o marketing dos cinco sentidos, marketing digital, metodologia de plano de negócios, gestão de imagem e marca, criatividade e inovação, comunicação, ou criação de experiências turísticas de qualidade.

Javier Luna esteve acompanhado pela diretora-geral de Formação para o Emprego, Carmen Castro; o presidente da Fundação Xavier de Salas, Jaime de Salas; e o diretor do curso, José Manuel Hernández.

Por seu lado, Carmen Castro explicou que na conselheria de Educação e Emprego apresentaram esta formação como «a impulsora de todas as novas iniciativas que vão surgindo noutras regiões». Este curso de Economia Social está financiado pelo Sexpe, organizado pela Escola de Organização Industrial e a Universidad de Extremadura (UEx), e conta com a colaboração da Fundação Xavier de Salas e a Associação de Empresários de Trujillo ({Asemtru}).