+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Peritos premeiam a gestão de resíduos de demolição e construção de Promedio

Nieves Seijo apresentou o sistema implantado no consórcio ambiental

 

Nieves Seijo recolhe/expressa o galardão concedido a Promedio. - ASSEMBLEIA PROVINCIAL/ S. RODRÍGUEZ

REDACCIÓN BADAJOZ
07/11/2019

A gestão dos Resíduos de Construção e Demolição (RCD) realizada pelo Consórcio Ambiental da Diputación de Badajoz, Promedio, foi premiada na modalidade de gestão no I Congresso Internacional do sector, em Madrid.

O evento teve lugar no Instituto Eduardo Torroja, com participação entidades públicas e privadas de âmbito nacional e internacional de reciclagem, centros de investigação, instituições ligadas com a construção, associações de gestores de resíduos e demais agentes.

O galardão foi entregue antes da finalização do encontro à responsável dos serviços de recolhida de resíduos urbanos de Promedio, Nieves Seijo, e reconhece como «distinção prata» o trabalho desenvolvida pelo consórcio na «gestão supramunicipal dos RCD nas zonas rurais da província de Badajoz».

Na primeira jornada do congresso, Seijo teve a oportunidade de apresentar os detalhes do sistema implantado pelo consórcio faz ano e meio para a facilitar a recolhida e transporte dos RCD a gestores autorizados, encarregados de dar-lhes sua oportuna reciclagem e valorização.

Até ao momento são 72 as Câmaras Municipais aderidos a uma iniciativa que permitiu levar a estas plantas de tratamento 9,2 milhões de quilos de escombros e restos de obras menores gerados por aproximadamente 150.000 habitantes.