+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Acaba a reforma da escola na qual a Junta tem investido 170.000 {€}

Se fizeram trabalhos para a climatização e melhorar a estrutura. Também se têm modificado os banhos e facto/feito uma rampa de acesso a Infantil

 

A conselheira de Educação conversa com alunos da escola. - {JUNTAEX}

REDACCIÓN prov-badajoz@extremadura.elperiodico.com BADAJOZ
11/01/2019

A conselheira de Educação e Emprego, Esther Gutiérrez, visitou ontem a obra recém finalizada da escola público {Ezequiel} Fernández, de Valencia del Ventoso, que tem suposto um investimento de 170.751 euros e foi executada pela empresa extremenha {Maycoex} SL. As obras têm consistido em substituir a caixilharia em alumínio {anodizado} e aço e vidro simples, com rotura/quebra de ponte/feriado térmico e dobro {acristalamiento}. A das salas de aula se tem dotado de persianas, e para as do módulo de Infantil, com orientação sudoeste, se têm posto lamas de alumínio reguláveis.

Também, se têm modificado os núcleos dos quatro banhos do módulo de Infantil, os dois banhos do de Primária, modificando a distribuição interior para conseguir, dentro dos ajustes razoáveis, uma das cabinas adaptadas para pessoas com problemas de mobilidade. Neste sentido, se fez um novo asseio para 1º e 2º de Infantil, acessível por ambas salas de aula e {acristalado}.

Além disso, se tem reforçado a estrutura metálica do alpendre de módulo de direção. Trata-se de reforçar a cimentação dos pilares metálicos, que têm cedido levemente provocando a deterioração do estremo de coberta.

Igualmente, se tem percurso/percorrido esse asa da coberta, que apresentava deficiências como telhas de estremo levantadas, {cumbrera} afundada, ou troços de telhado afundados. Finalmente, de tem posto aquecimento ao sala de aula de música, com conexão à rede de ida e regresso.

Se tem construído uma rampa de acesso ao módulo de Infantil, reformado a porta metálica de entrada substituindo o {zócalo} danificado, e se tem retirado a malha metálica e substituído o plástico por vidro dobro de segurança.

Além disso, se têm realizado provas de funcionamento das redes de saneamento para que garantam o correto funcionamento do novo asseio e os banhos a reformar e se têm preenchido os vazios que tinha baixo/sob/debaixo de os {ventanales} do módulo de Infantil com o fim de evitar pontes térmicas, dotando-os de isolamento.

A execução de dita obra, que se iniciou em meados do mês de Junho, tem tardado quatro meses e encontra-se acolhimento num 80 por cento ao Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Neste centro educativo há matriculados atualmente 121 estudantes, aos que dão aulas 18 docentes.