+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

{Nafti}: «¿Como vivi o grande penalidade? Me vai a dar algo...»

 

15/04/2019

«O grande penalidade de {Guzmán} o tenho vivido como o da semana passada que deteve {Kike}. Me vai a dar algo...», reconheceu o treinador do Badajoz, {Mehdi} {Nafti}, para acrescentar que «com um final assim vale a pena viver esse tipo por enquanto que só/sozinho te pode dar o desporto. Se o jogo/partido tivesse acabado 0-0 tivesse dito o mesmo, a equipa fez um muito bom trabalho, a leitura foi muito boa e nos tem faltado o golo». Do choque explicou que «foi o jogo/partido que esperávamos. Sabia que ia ser muito difícil, era um jogo/partido de paciência, de não frustrar-se, de não precipitar-se... Tivemos ocasiões claríssimas no primeiro tempo, mas quando a bola não entra temos de esperar teu momento e não forçar {pases}. Os jovens o entenderam muito bem e é verdade que nos cinco minutos finais estivemos mais perto do 0-1 que do 1-0 mas, souberam responder perfeitamente». {Nafti} pegou ao Badajoz no posto 14 e já o tem situado em quinta posição. «O que nos falta é seguir/continuar. Está claro que mais te {ves} aí e mais {quieres}, mas temos de saber que é muito complicado. Os melhores picam, é uma liga muito complicada e temos de seguir/continuar acreditando. Não temos terminado a liga e se fora assim, não estaríamos aí». Sublinhou que «tenho um grupo muito válido e para {Eneko} era uma oportunidade, não um exame. E José Ángel e {Guzmán}, por tudo o que vêm fazendo toda a semana protegendo à plantel/quadro, se mereciam uma oportunidade porque ninguém sente os cores como eles. É verdade que quando entram tinha que dar ar e outra coisa ao plantel/elenco e o fizeram muito bem».

Por último, {Nafti} quis falar de seu incidente com Francis Ferrón após a mudança. «Queria pedir perdão pela imagem que se pode dar, pedirle perdão a ele também porque somos homens e mais {quieres} a alguém e mais lhe {exiges}. Peço perdão se {molesté} a alguém».