+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Espanha, direta aos quartos

{Astou} {Ndour} e Cristina Ouviña foram chaves para ganhar à {correosa} Letónia

 

{Laura} {Nicholls} e Lucas Mondelo falam durante o jogo/partido. - {AFP}

EFE
01/07/2019

A seleção espanhola, liderada por {Astou} {Ndour} e Cristina Oubiña, se assegurou o primeiro posto do Grupo A e sua classificação direta para os quartos-de-final do {Eurobasket} feminino, após vencer por 56-59 a Letónia.

A equipa espanhola, que dominó durante quase tudo o jogo/partido e encarou os últimos 7 minutos de jogo/partido com 16 pontos de vantagem, 35-51, sofreu até ao último momento perante as {letonas}, que recortaram vantagens e quase estiveram de dar um susto.

{Ndour} foi o ponto de ancoragem da equipa espanhol para poder/conseguir crescer em defesa e correr no ataque, diante da escassa contribuição de {Laia} {Palau} e {Marta} {Xargay}. A entrada de Cristina Oubiña nos minutos finais do primeiro quarto serviu para dinamizar ao plantel/elenco e dar-lhe mais alegria no ataque e intensidade em defesa para neutralizar o ardor das locais e chegar a 17 iguais após os primeiros 10 minutos.

No segundo quarto, a equipa espanhola, sem fazer seu melhor jogo/partido, soube armar-se de paciência, não voltarle a face ao jogo/partido e segurar-se ao conjunto/clube. Letónia começou a sofrer muito (21-28, {min}.14).

As rotações do selecionador espanhol, Lucas Mondelo, deram força, vontade, intensidade e trabalho. Com {Ndour} como baluarte em defesa e ataque, {Laura} {Nicholls} e {Anna} Cruz foram as melhores {escuderas} da equipa para chegar no descanso com uma vantagem sólida, 25-35, após um parcial neste segundo ato de 8-18.

DESCOLE E PROBLEMAS / Com o marcador lastrado no início do terceiro quarto e sem novos pontos nos dois primeiros minutos, a defesa espanhola foi marcando as pautas da equipa num jogo/partido que se transferiu ao jogo estático, 30-40 (m.25). Oubiña voltou ao jogo/partido para dar vivacidade, génio e quatro recuperações de bola que deram ar a Espanha para fechar o terceiro quarto com um esperançoso 35-49.

O passo dos minutos e a defesa em zona de Letónia fez que o marcador se estreitasse ligeiramente, 40-51 (m.35) e que se acendessem as alarmes à falta de 2.42 minutos pelo 48-53 que se instalou no marcador.

Um tempo morto de Mondelo não serviu para {atemperar} os ânimos das jogadoras espanholas às que se lhes encolheu o braço para lançar. Letónia aproximou-se mais que perigosamente no marcador, 54-57 à falta de 20.9 segundos, mas a seleção soube aguentar a pressão e os nervos para certificar a vitória por 56-59, que lhe dá a vitória do grupo e o passe direto aos quartos-de-final, que se disputarão na próxima quinta-feira.

LETÓNIA 56

ESPANHA 59

3Marcador por quartos: 17-17, 25-35 (descanso/intervalo), 35-49 e 56-59 (final).

3Árbitros: {Amy} {Bonner} (USA), {Jasmina} {Juras} ({SRB}) e {Geert} {Jacobs} ({BEL}). Eliminada por cinco faltas: Digna {Strautmane} (m.38).

3Pabellón: Areia {Riga}.

3Espectadores: 4.000.

3Letonia: {Brumermane} (10), {Dikaioulaku} (19), {Pilabere}, {Pulvere} e {Strautmane} (4) -plantel/elenco inicial-, {Ikstena} (2), {Jakobsone} (2), {Kreslina} (5), {Melnika} (8), {Septe} (4) e {Strautmane} (2).

3España: {Laia} {Palau} (5), {Anna} Cruz (9), {Marta} {Xargay} (7), {Laura} {Nicholls} (8) e {Astou} {Ndour} (16) -plantel/elenco inicial- Cristina Ouviña (6), Silvia Domínguez (5), {Tamara} {Abalde} (1), María Pina (2), {Queralt} Casas e {Laura} {Gil}.