+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

O local que deixou o Bingo Cánovas se converterá numa sucursal bancária

Operários trabalham para acondicionar o imóvel embora não há data de abertura. La Caixa confirma que abrirá outro escritório para substituir ao emblemático negócio

 

Vista da fachada do local, agora com as cristaleiras já instaladas, no cruzamento de {Clemante} Sánchez Ramos. - FRANCIS VILLEGAS

GEMA GUERRA
04/02/2020

O local que deixou o Bingo Cánovas se transformará numa sucursal bancária. Será La Caixa a encarregada de substituir a atividade do emblemático negócio, segundo confirmam a este jornal fontes da entidade bancária, embora não precisam de uma data concreta de abertura.

Por enquanto, os operários trabalham desde há semanas para acondicionar o local que faz esquina com avenida de Espanha e Clemente Sánchez Ramos e que acolheu durante décadas a icónica sala de jogo até que fechou faz já mais de um ano. Previamente, os trabalhadores se encarregaram de esvaziar o local, praticamente diáfano, e de retirar o mobiliário anterior. Reformaram chãos, paredes e instalações elétricas e nesta última semana já instalaram as cristaleiras na fachada que permitem ver o interior do local. Coincide a tarefa destes operários com a que levam a cabo na mesma via desde há também semanas os encarregados do projeto aprovado pela Câmara Municipal para fazer peadonal as ruas anexas a São Pedro de Alcántara.

Quando esteja a funcionar este escritório será a segunda que abre La Caixa numa distância de menos de 500 metros. A outra sucursal encontra-se no cruzamento de San Antón e Comandante Sánchez Herrero, também localizada noutro local do imaginário dos cacerenhos porque albergou durante anos a casa de fotografia González. Não precisa a entidade por enquanto, também não se reubicará este escritório depois de que se produza a abertura da de Cánovas. À parte, a Caixa mantém suas sucursais também em Gil Cordero e a avenida Isabel de Moctezuma.

Cabe lembrar que o Bingo Cánovas foi um emblema para o lazer dos cacerenhos nos últimos trinta anos. A empresa foi constituída o 11 de Dezembro de 1990 como sociedade anónima dentro do convénio de jogos de azar e apostas. Durante anos funcionou como bingo e em 2016 foi adquirida pelo Grupo Ballesteros, uma empresa do jogo com 27 salas no país. Uns meses antes de seu fecho foi absorvida por Sportium, e ainda que também se manteve o jogo tradicional, finalmente desceu a persiana de forma definitiva coincidindo com o auge das salas de jogo na capital cacerenha. Após o seu fecho, na cidade só sobrevive o bingo Estádio, localizado na avenida Portugal, que também combina apostas tradicionais com novos modelos virtuais.