+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Acordo ‘sine die’ para que o Parador siga/continue em Cáceres

Dão o ‘{ok}’ a que siga/continue gerindo os dois palácios da zona monumental. Administrações destacam o convénio como um «exemplo de colaboração»

 

{Beltrán}, Nevado, Martín, {Oliver} e López brindam com cava extremenho após a assinatura do acordo do Parador, ontem. - FRANCIS VILLEGAS

G. G. epextremadura@elperiodico.com CÁCERES
28/03/2019

El Parador de Cáceres seguirá gestionando los dos palacios que ocupa en la calle {Ancha} ‘sine die’. Assim o acordaram ontem as administrações e os gestores de {paradores} na firma/assinatura/assina de um convénio para prolongar o uso das propriedades. No ato de rubrica estiveram presentes a secretária de Estado, Isabel Oliver, o diretor-geral de Turismo da Junta de Extremadura, Francisco Martín, o vice-presidente segundo da Diputación de Cáceres, Alfonso Beltrán, e a presidenta da Câmara Municipal de Cáceres, Elena Nevado, responsáveis do Palácio do {Comendador} e dos Marqueses de Torreorgaz, e o responsável da rede hoteleira, {Óscar} López.

Esta firma/assinatura/assina suporá que as quatro administrações cedem ambos espaços à rede sem data e além disso através do escrito/documento também comprometem-se a esclarecer a propriedade dos imóveis, uma questão que gera discrepâncias entre administrações já que não coincidem os dados no registo e no cadastro. A mudança da lei tem obrigado a renovar o acordo de cessão que foi rubricado pela primeira vez nos anos oitenta para cinquenta anos. Precisamente neste ano cumprem-se trinta anos dessa primeira firma/assinatura/assina e a assinatura {Paradores} celebra seus 90 anos.

Em suas intervenções, os responsáveis das administrações coincidiram em salientar o convénio como «um exemplo de colaboração» e destacaram ao Parador e à rede como «referente» do turismo a nível nacional, regional e local. Nesse sentido, tanto/golo a presidenta da Câmara Municipal como o diretor sublinharam as cifras do turismo a nível local e regional. Segundo pôs a manifesto Nevado, 900.000 pessoas visitaram a cidade em 2018.