+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Matemáticas e Física igualam a Medicina nas preferências dos alumnos da UEx

Bajan os registos automóveis em Engenharia, uma tendência que a juízo do reitor se produz também no resto do país. A Universidade extremenha atribui o aumento a tratar-se de corridas/cursos com uma «elevada empregabilidad»

 

Estudantes sentados num {corro} antes de entrar num exame durante as últimas provas da {EBAU} realizadas na Extremadura. - FRANCIS VILLEGAS

ALBERTO MANZANO
25/07/2020

Las eternas favoritas entre os estudantes da Universidad de Extremadura continuam a ser as corridas/cursos relacionadas com a saúde: Medicina, Fisioterapia, Veterinária, Bioquímica, para além de Enfermagem. No entanto, nos tempos que correm {despuntan} os jovens que querem cursar Matemáticas e Física. «Um salto impressionante», como o qualifica o reitor da Uex, Antonio Hidalgo, que o atribui a que «som disciplinas com uma alta empregabilidad no mercado laboral atual. Geram essa {polivalencia} funcional e profissional que as empresas procuram».

Mas a nível nacional, ¿quais som as corridas/cursos universitárias com as notas de corte mais altas? O Grau/curso universitário em Medicina perde a liderança. No passado ano a medalha de ouro neste ranking se a levou o dobro Grau/curso universitário de Matemáticas e Física da Universidade {Complutense} de Madrid ({UCM}) com 13,775 pontos. Das cinco notas de corte mais altas, quatro correspondem a este dobro grau/curso universitário. Por detrás da {UCM}, se situa a Universidade de Zaragoza (13,586), a Universidade de Valladolid (13,432), a {Universitat} {Autònoma} de Barcelona (13,418) e a Universidade de Sevilla (13,401).

¿{Tienes} decidida a corrida/curso?

Uma vez superada a {EBAU} mais atípica devido à pandemia do coronavirus, os futuros universitários extremenhos se enfrentam durante estes dias a uma das decisões mais importantes de sua vida: que corrida/curso estudar. Para isso, o aluno deverá fazer cálculos com a nota de corte de cada licenciatura; esta é a nota mais baixa com a que um estudante acede a uma faculdade e serve como referência para saber que pontuação é necessária ter obtido na {EBAU}. Neste sentido, dependendo de numerosos fatores como a popularidade da disciplina ou da oferta da mesma, esta nota pode aumentar ou diminuir ligeiramente de um curso a outro.

«Dos mais de 6.200 jovens e raparigas que se têm examinado faz menos de um mês da prova na região, muitos estão duvidosos ainda, outros o têm claro, a oferta académica é larga/ampla, equilibrada e variada, e suas miras também. A Universidad de Extremadura, com uma tradição que data de 1973, quer atraí-los a seus salas de aula e igualmente alunos de qualquer ponto de Espanha», indica o máximo responsável da instituição educativa.

Para o próximo curso 2020-21 há uma novidade destacada, a incorporação da dobro licenciatura de Matemáticas e Estatística (no Campus de Badajoz), para além de um consolidação de seus 60 graus e 12 itinerários conjuntos, nos que se oferecem um total de 5.300 praças/vagas.

Também, os registos automóveis em Engenharia som cada vez menores, uma tendência que se repete de igual maneira a nível nacional.

Se tome a decisão que se tome, esta geração viverá uma universidade diferente, com distanciamento e medidas de segurança que até então não existiam. «Queremos e temos apostado em a docência presencial segura. A máxima que possamos. Isto significa que vamos a trabalhar em capacidade ao 60% de lotação dos nossos alunos, se o permite a sala de aula, e com máscaras», sublinha Antonio Hidalgo.

No caso de que algumas turmas não permitissem a cabida, existem dois opções: «a virtualidade completa ou parte do grupo na sala de aula e parte online, girando periodicamente para que todos possam estar parcialmente de maneira presencial com o docente», explica.

Acerca das práticas, o reitor da Uex enfatiza que «se lutará para que se realizem de forma habitual, por ser uma parte importante na formação dos regulados. Faremos tudo o possível para que se façam {presencialmente}. Las práticas formativas som indispensáveis e muito necessárias».

A inquietude afeta {idénticamente} aos extremenhos que tinham intenção de estudar no estrangeiro (Erasmus), com um número «elevado de renúncias» que segundo o reitor considera complicado quantificar. «O problema é geral em todos os campus e reside no medo ainda ao contágio, mas também ao facto/feito de que bastantes universidades europeias estão apresentando passar-se ao modelo online ou alternar esta com o ensino presencial», conclui o reitor.