Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 22 de outubro de 2018

O ‘burlão do amor’, detido de novo por outro alegado burlão

Foi detido quando se dirigia ao tribunal/réu/julgado para comparecer

J. G. ALBALA BARCELONA
16/05/2018

 

{Albert} {Cavallé}, mais conhecido como o burlão do amor, soma denúncias e detenções. A Polícia catalã d’{Esquadra} o detiveram de novo ontem pela denúncia apresentada contra ele por outro alegado burlão. O detenção se produziu na Cidade da Justiça de Barcelona quando {Cavallé} se dirigia a assinar a comparência acordada por um tribunal/réu/julgado que lhe está investigando. No momento de dar sua documentação aos agentes, estes constataram que sobre/em relação a ele pesava uma ordem/disposição de busca e captura que tinha sido emitida por agentes duma esquadra barcelonesa, que estão investigando a denúncia doutra vítima. Depois de/após ingressar nos calabouços do recinto judicial, o burlão do amor foi transferido à esquadra de Lhes Corts em Barcelona e ficou pendente de passar hoje a disposição judicial.

{Cavallé} foi detido pela Guarda Urbana de Barcelona na semana passada, o 6 de Maio, por não apresentar-se a uma citação judicial por um dos {mútiples} processos que tem abertos. O juiz lhe deixou em liberdade provisória com a obrigação de assinar semanalmente no tribunal, que é o que ontem ia fazer. O alegado burlão se acolheu nessa altura a seu direito a não declarar.

O detido, de 36 anos acumula até 17 denúncias, que se encontram em tramitação em diferentes tribunais/réus/julgados, por burlar a mulheres com as que contactava através da internet e às que seduzia. Nesta semana está previsto que {Cavallé} seja tribunal/réu/julgado por dois destes casos num tribunal/réu/julgado penal de Barcelona. Num dos assuntos se enfrenta a uma pena de dois anos e seis meses de cadeia por apropriar-se de 2.280 euros duma de seus vítima e no outro, a dois anos de reclusão por uma burla de 2.500 euros.

As notícias mais...