Menú

El Periódico Extremadura | Sábado, 23 de junho de 2018

Vontade

ROSA MARÍA GARZÓN ÍÑIGO Técnica en información turística
10/06/2018

 

E n ela se baseia, em grande medida, a essência da vida de um humano (também dalguns animais); pois é a aptidão de decidir, pôr intenção e decisão livres para ordenar a própria conduta e conseguir um objetivo. Simplesmente, querer algo de forma consciente.

E isto é o que, voluntários que conformam a junta diretiva da delegação em Plasencia do Banco Alimentar de Cáceres pedem, para poder/conseguir continuar com sua imensa e necessária lavor/trabalho social e assistencial, pessoas capazes de ocupar dois ou três postos de gestão e organização de armazém, a cargo das entradas e saídas de alimentos, e que queiram dirigir a sua vontade neste sentido e oferecer-la a esta causa, devido a que a pessoa que o levava desde há vários anos, tem tido que deixá-lo por necessidades pessoais.

O trabalho não cessa, como a campanha Operação Quilo que tem tido lugar durante os dias de ontem e hoje, que leva-se a cabo em dois supermercados de Plasencia, um de Coria e outro de Navalmoral de la Mata e que cobrem um total de 70 voluntários que decidiram, desde seu livre-arbítrio, passar um ou os dois dias trabalhando na recolhida.

Embora, felizmente existem outras campanhas e convénios com entidades públicas e privadas, que movem um volume de alimentos elevado, que temos de gerir e que tentam, só/sozinho na delegação de Plasencia, entre 10 e 15 voluntários, pessoas que vão diariamente ou quando podem a suas instalações na avenida Martín Palomino da cidade e um total de trinta, comprometidos com esta ONG, que dedicam seu trabalho e seu tempo a colaborar de forma {altruista} e realizam as tarefas necessárias, para executar adequadamente a classificação de artigos, colocação e posterior seleção, controlo e envio, até seu entrega às associações encarregadas de fazer chegar os alimentos a cada necessitado.

Desde que em 1996 se {constituyera} o Banco Alimentar da província, são numerosas as sedes {distribuídas} pelo norte e que tentam, graças a sua solidariedade e as das pessoas e empresas que colaboram desinteressadamente com suas doações, o abastecimento de milhares de pessoas que o necessitam.

Tenhamos vontade de querer e escolhamos ajudar a outros em pior situação que a nossa. Quem sabe se algum dia nós {ocupemos} seu lugar.

As notícias mais...