Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 25 de junho de 2018

O sector empresarial da província se reivindicará numa gala com prémios

Será um encontro para conhecer-se, fazer negócio e «somar»

REDACCIÓN PLASENCIA
31/05/2018

 

Só/sozinho em Plasencia, há mais de 7.000 empresas exercendo sua atividade, segundo dados da Câmara de Comércio de Cáceres. «A província de Cáceres existe», disse ontem Antonio Macedo, em nome do Círculo Empresarial e {BNI}. A sua intenção é demonstrá-lo e reivindicar-se na primeira gala de prémios organizada pelo sector, em colaboração com a câmara municipal e que terá lugar os dias 8 e 9 de Junho no Hotel Cidade do Jerte.

Rede empresarial têm batizado a esta gala, com vocação de continuidade, que nasce «da necessidade de colaborar para promover e desenvolver o tecido empresarial da província», em palavras de Raúl Iglesias, da Câmara de Comércio. Se tem concebido como um ponto de encontro e para fazer negócio e já há 250 inscrições, segundo explicou.

Começará na sexta-feira 8 com um jantar e uma gala de prémios a empresários e a entidades ou organizações sociais e de outros sectores, que não quiseram revelar. No sábado de manhã, será o momento de fazer negócio.

«Os empresários de Plasencia queremos reivindicar nosso papel na Extremadura», sublinhou ontem Macedo. «Os empresários temos que fazer visíveis nossas empresas e apoiar-nos. Se um projeto se instala em Badajoz, nos {alegraremos}, mas também queremos que venham à província de Cáceres porque as empresas {generamos} emprego e {fijamos} população».

As notícias mais...