Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 19 de junho de 2018

Os São {Fulgencio} reconhecem a {Ferreira} e {Álex} Alegria

Galardoados também o programa ‘Espanha direto’ e a associação {Afads}. Álvaro Valverde, Gonzalo Hidalgo e {Miriam} {Cobos} estão entre os premiados

RAQUEL RODRÍGUEZ
30/12/2017

 

O expresidente da Câmara Municipal de Hervás e ex-presidente da Asamblea de Extremadura, Juan Ramón Ferreira, a título póstumo, os escritores Álvaro Valverde e Gonzalo Hidalgo Bayal, o jogador de futebol {Álex} Alegria, a desenhadora na moda {Miriam} {Cobos}, a associação de pessoas com alzhéimer Afads-Norte de Cáceres e o programa de televisão ‘Espanha direto’ são os sete premiados por ocasião da festa de São {Fulgencio}.

Os nomes os anunciou ontem o presidente da Câmara Municipal, quem assinalou que, nos últimos anos, a Câmara Municipal recebeu «muitas propostas» e, por isso, se criou uma comissão «para ser justos». Fernando Pizarro recordou que alguns dos novos premiados «ficaram sobre/em relação a a mesa na edição anterior e eram um acordo/compromisso da equipa de governo», como o caso de Ferreira, porque sua família preferiu esperar um tempo para receber/acolher o prémio, e Hidalgo Bayal, que foi proposto para a Medalha da Extremadura, embora não se lhe concedeu. A todos deu as graças, a pessoas e entidades, «por sua contribuição para que Plasencia melhore».

A Ferreira se lhe entregará por «sua contribuição ao desenvolvimento da transição democrática na Extremadura», desde Hervás, onde foi presidente da Câmara Municipal desde 1987 até 2003 e desde a assembleia regional, que presidiu na legislatura 2007-2011 e da que foi vice-presidente segundo de 2011 a 2015.

De Álvaro Valverde destaca a Câmara Municipal que se tornou em «poeta internacional sem abandonar seu Plasencia natal». Escritor «universal» e professor, Pizarro recordou ontem que tem dirigido a editora regional da Extremadura e foi co-fundador do Sala de aula de Literatura Gabriel e Galã.

Junto a ele a fundou outro dos premiados, Gonzalo Hidalgo, «autor incansável vinculado a Plasencia desde há mais de 50 anos». Docente e romancista «galardoado com numerosos prémios, que reconhecem seu bom fazer como literato», dirige o oficina literário da universidade popular.

Do jogador agora do Levante {Alexander} Alegria salientou ontem o presidente da Câmara Municipal que saiu da pedreira/formação de São Miguel e que é um exemplo de acordo/compromisso e generosidade ao refletir «a importância do desporto base e seus valores, o respeito, a cooperação e a superação através do desporto».

A desenhadora {Miriam} {Cobos} receberá outro dos prémios porque, por «seu aposta em o uso de novos materiais, tem sabido conjugar os seus conhecimentos de arte e design para oferecer peça de roupa únicas e exclusivas, entendendo a moda como uma forma de arte».

Quando cumprem-se 20 anos da fundação da associação Afads-Norte de Cáceres, obterá um São {Fulgencio} por seu «dedicação às pessoas afetadas por alzhéimer, ajudando e tutelando aos familiares. O seu trabalho foi fundamental para que todos conheçamos um pouco melhor a doença».

E como meio de comunicação, se levará um prémio o programa ‘Espanha direto’, pela difusão de Plasencia e a zona norte que tem realizado em numerosas ocasiões, o que ajuda a sua promoção nacional.

Os prémios, um pequena tela de {Misterpiro}, se entregarão o dia 16, às oito da tarde, no centro cultural as Claras.

As notícias mais...