Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 21 de janeiro de 2020

A obra de Valcorchero, o maior investimento da Junta para o 2020

A dotação para a segunda fase da EX-370 e Martín Palomino, 646.280 €. Orçamenta 1,2 milhões e um total de 5,7 para gastá-los ao longo de quatro anos

RAQUEL RODRÍGUEZ
26/11/2019

 

A reforma para transformar o centro de menores de Valcorchero de Plasencia em centro para jovens com condutas disruptivas é a de maior dotação económica dos orçamentos gerais da Junta para o próximo ano que ontem entregou a conselheira de Finanças na Asamblea de Extremadura.

Assim, as contas de 2020 contemplam uma verba de 1.274.788 euros para a reforma de Valcorchero, que além disso contará com financiamento plurianual, até ao ano 2023 e o investimento total prevista é de 5,7 milhões de euros.

Analisando as verbas nas que aparece especificamente o nome de Plasencia -porque há investimentos englobados noutras gerais, como no caso de Educação, Saúde e outras- a segunda com maior dotação é uma infraestrutura demandada pela Câmara Municipal, a segunda fase do desdobramento da EX-370 para conetar esta via com a circunvalação sul. Este novo via conta com 500.000 euros no orçamento do próximo ano, que aumentaria até 4.329.048 euros nas contas do 2021, com o que o investimento global ascenderá a 4.829.048 euros.

O terceir investimento importante será a reforma de Martín Palomino, mas neste caso, unicamente se orçamentam 146.280 euros para o próximo ano e o grosso da dotação está previsto no 2021 e 2022, com 1.044.448 euros anuais.

OBRAS NO CAMP / Outro projeto com uma dotação importante será a reforma do CAMP María Jesús López Herrero, com uma dotação de 250.418 euros para o 2020, que se alargará até 1.500.836 até ao 2023.

Superará à investimento previsto no centro sociosanitário, de 190.963 euros no 2020 e um total de 386.784, até ao 2023.

Por outro lado, a Junta destinará 245.450 à reabilitação de pessoas com transtorno mental grave; 297.000 euros a Cáritas; 150.000 ao acondicionamento de vivendas de proteção pública; 90.000 à escola lar; 83.806 à UNED; 50.000 à rotunda dos {Mártires}; 45.579 à posto de turismo; 40.000 ao Festival Folk; 6.800 ao centro de visitantes, que está fechado e 2.200 à festa da Terça-feira Maior.

As notícias mais...