Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 23 de novembro de 2017

A Câmara Municipal espera atrair a 4.000 pessoas à {Gumiparty} de Outubro

O evento aproximar-se-á aos colégios e pais com atividades gratuito

REDACCIÓN PLASENCIA
14/09/2017

 

El ano passado, a {Gumiparty} conseguiu atrair a 3.800 visitantes. Neste ano, Câmara Municipal e organização esperam chegar a os 4.000. Para isso, se superaram na organização de atividades e, como novidade, neste ano aproximar-se-ão aos colégios e pais com eventos gratuitos.

Assim, aos primeiros lhes oferecerão a possibilidade de ir, o dia 6 de manhã, a uma conferência de Claudio Serrano, ator de dobragem que põe voz a {Batman}, e aos segundos, um oficina sobre/em relação a novas tecnologias e controlo de aplicações e dependencias a jogos.

Por outro lado e, seguindo/continuando com as novidades, na {LAN} {party} do pavilhão da feira se têm incluído mais de 40 postos adicionais aos do ano passado, até um total de 180, e a associação {Megagumi}, promotora do evento, tem organizado mais de 90 atividades, muitas simultâneas.

Tudo o explicou ontem o coordenador da cita/marcação/encontro, Roberto Manchado, num calendário que inclui conversas, oficinas, jogos, expositores, concertos, espetáculos e exibições.

Terá outros atores de dobragem, os de {Lobezno} e {Leornardo} Dei {Caprio}, {youtubers}, um artista internacional nomeado aos Grammy, especialistas de cinema, ilustradores e mantêm seu concurso de {cosplay} com uma viagem a Japão como prémio.

Como novidade, a entrada para visitantes sobe dum a dois euros porque dará direito a entrar e sair todas as vezes que se queira num mesmo dia. Manchado destacou que esta larga programação não seria possível sem o apoio institucional nem dos patrocínadores.

Assim, a Pelouro de Juventude dá uns 10.000 euros e o presidente da Câmara Municipal destacou ontem que «o importante não é o dinheiro, mas o aval de que é um grupo de jovens quem desenha a {Gumiparty}, procurando a atração de jovens e maiores/ancianidade, que conseguiu».

El Instituto/liceu da Juventude da Junta colabora por sua vez com 8.250 euros e o diretor-geral, Felipe González, destacou que o evento atrai a jovens doutras comunidades; se fez um vazio nas {LAN} {party} nacionais e mostra que «as novas tecnologias não têm porque é que ser negativas. Aqui promovem a união».

As notícias mais...