Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 21 de junho de 2018

Aprovam solicitar a declaração de {BIC} para a pinacoteca do Sala de Outono

Terá uma segunda edição de conferências e mesas redondas

REDACCIÓN PLASENCIA
12/06/2018

 

El coletivo de pessoas interessadas em reunir a coleção do antes chamada Sala de Outono de Caixa da Extremadura e expô-la num museu de arte contemporânea em Plasencia tem ratificado a proposta de «solicitar a declaração de Bem de Interesse/juro Cultural ({BIC}) para a coleção formada pelas obras do Sala de Outono de Pintura de Plasencia e Obra Aberta, que formam um tudo», acolhendo-se ao disposto na Lei 2/1999, de 29 de Março, de Património Histórico e Cultural da Extremadura.

El acordo tomou-se numa reunião celebrada o passado dia 7 nas Claras, na qual além disso, se informou sobre/em relação a «o acordo/compromisso do Câmara Municipal de Plasencia, através de seu presidente da Câmara Municipal, de manter uma via de diálogo com a Fundação {Bancaría} Caixa da Extremadura para que os fundos artísticos se exponham de forma permanente em Plasencia».

Por sua vez, os representantes do coletivo aceitaram apresentar uma programação para uma segunda edição da atividade Traços do Sala. Uma obra aberta, que patrocinará a Câmara Municipal, e acordaram formalizar a constituição duma associação cultural, aberta a pessoas físicas e jurídicas para promover atividades com o fim de divulgar a coleção e a reivindicação da criação de um centro de arte contemporânea, mediante a doação de obras de arte, organização de conferências, publicações, visitas guiadas...

As notícias mais...