Menú

El Periódico Extremadura | Sábado, 23 de junho de 2018

Esperanza

LARA Garlito
08/06/2018

 

Esperanza, essa é minha palavra desta semana. Tenho sentido ilusão/motivação, confiança e esperança. Ao longo/comprido destes dias {íbamos} conhecendo aqueles que ia a fazer parte da equipa de Pedro Sánchez, aqueles que iam ser os construtivos do novo dia-a-dia deste país, ao acontecer seu efeito era cada vez melhor, a impressão generalizada era a de ter especialista/conhecedor qual é a nova sociedade espanhola e até onde deve caminhar nosso futuro.

Se tivesse tido que acompanhar com uma canção minha leitura de nomes de ministras e ministros tivesse sido Ar de José Mercé, acredito/acho que {llegué} a dizer (a {tararear}) isso de ar novo ar fresco {pa}’ a casa, Ar ar passa passa, que tenha a porta aberta a alegria {pa}’ a casa, no entanto, a perfeita descrição não a {obtuve} de nenhum livro, de nenhuma rede (por muito {ocurrentes} que fossem os {tweets}), nem de nenhuma canção, foram dois raparigas jovens.

Saí a passear após a conferência de imprensa do presidente do Governo, e sim, por um momento me {descubrí} ouvindo a conversa de dois raparigas jovens falando do novo governo socialista, uma delas lhe disse à outra: para resumir ¡{pa}’fora {telarañas}!

{Sonreí}, essa era minha impressão deste novo governo: limpo, fresco, cheio de luz. A casa de todas e todos estava descontraída de sujidades, humidades, e a cor cinzento tinha mudado por muita cor.

Atrás deixa a democracia espanhola um governo cujo jogo/partido foi condenado por corrupção e um presidente de governo questionado no mais profundo, em sua credibilidade.

Ontem tomou posse o Conselho de Ministras e Ministros mais feminista do mundo, mulheres com trajetórias profissionais brilhantes e experimentadas em espaços estratégicos do governo de Espanha.

Uma mostra de tudo esse trabalho e esforço que as mulheres têm vindo realizando e tinha sido {invisibilizado}.

O 8 de Março as mulheres deste país saímos à rua para reivindicar o que era justo, me alegra que o presidente de Governo, Pedro Sánchez, nos ouvisse e soubesse que já tudo tinha mudado.

Minha piscadela hoje é para quem ontem disse que vinha de naves espaciais, embora em cada mensagem, em cada uma de suas palavras demonstra que tem os pés na terra, Pedro Duque, ele trabalhará para: colocar a Espanha no pelotão de cabeça da ciência e a investigação, porque esse é o futuro do nosso país e ainda estamos a tempo.

Seja.

Feminista, europeísta, sério e profissional, assim é o novo governo de Espanha, um Conselho de Ministras e Ministros que refletem o século XXI.

Todos os êxitos porque serão os do país.

* Filóloga e deputada do PSOE

As notícias mais...