+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Vêem a correr connosco

 

JOSÉ IGNACIO Donoso Martín Fabio’ Presidente de la Asociación Amigos del Caballo ‘A Revolera’
26/01/2020

Quero com estas palavras transmitir-lhes a Festa de São Blas em Valverde del Fresno, meu povo/vila, e fazer-lhes partícipes do que sentimos quando {corremos} a cavalo na festa de São Blas, os dias 31 Janeiro, 1, 2, 3, 4, e 5 de Fevereiro. É uma festa onde o cavalo é fundamental durante todos os dias. Queremos convidar-los a viver uma experiência única para todos os amantes do cavalo. Em São Blas se recebem a todos como se fuera do povo/vila. Proponho que {corras} connosco a lombos de teu cavalo.

São Blas é uma festa tradicional que se {trasmite} de pais a filhos. São as festas patronais E quero salientar a colaboração e o bom fazer do Câmara Municipal de Valverde del Fresno e da Associação das Donas de Casa, que animam com seus danças e dão colorido à festa de São Blas com seus Fatos de {Sayas} de {Picao}, seus {perrunillas}, seu aguardente e o cordão.

Me {conforta} e me dá ânimos quando em Natal as pessoas do povo/vila e arredores me perguntam: «{Fabio}, ¿quando cai neste ano São Blas?» Com o propósito de pedir férias nessas datas, dado que por motivos de estreitamente encontram-se fuera do povo/vila. São gentes de {Reus}, Madrid, Bilbao, {Mondragón}, Guipúzcoa, Navarra, Salamanca, Portugal, Suíça, França e Alemanha, que pedem férias e vêm a correr São Blas.

Todos os anos damos as boas-vindas/bem-vinda e agradecimento tanto/golo aos cavaleiros como às associações vizinhas de todos os cantos da Serra de Gata, Salamanca e de Portugal. São os adeptos de Eljas, San Martín de Trevejo, Villamiel, Hoyos, Acebo, Cilleros, Moraleja, Coria, Vegaviana, Perales del Puerto, {Navasfrias}, Casillas de Flores, O {Payo}, {Fuenteguinaldo}, {Foios}, {Soito}, {Aldeia} dá {Ponti}, {Pehamacol}, {Peha} García, {Quadrazais}, {Valdespiñu} e Ás Aranhas. Obrigado/obrigada amigos por acompanhar-nos e viver São Blas connosco.

Neste ano São Blas se apresenta com imensa vontade e emoção de começar a {canturrear} os cânticos e os vivas a São Blas a lombos de teu cavalo. Em qualquer bar, loja ou {corro} que se forma, já se ouvem {chascarrillos}: «esse cavalo novo que tenho comprado para São Blas, da {montura} nova ou o trouxe novo para correr São Blas».

Cada ano por estas datas estou inquieto e com desejos de que comece, para poder/conseguir {albardar} o cavalo e correr São Blas, com a ilusão/motivação de que comece e por sua vez de que não termine. Quero dar as obrigado/obrigada e enfatizar a ajuda e colaboração que me emprestam para organizar todos os eventos de São Blas. Minha admiração e reconhecimento a esses amigos anónimos, ficando reforçada a associação e os laços que nos unem com as pessoas de Valverde del Fresno. Obrigado/obrigada, de coração, a todos por vossa ajuda e participação.

Quero expressar o sentimento da festa de Correr São Blas a cavalo. Não se pode descrever com palavras. É algo que se sente dentro e se vive desde/a partir de pequeno a lombos de um burro ou mulo, quando {montas} com tu cavalo. É uma festa de amigos, amantes dos cavalos. Vêem a correr neste ano connosco e {intentaremos} que {aflore} teu São Blas. Não importa a idade que {tengas}. Te {invitamos} a passar uns dias que não {olvidarás} e que te farão voltar.