Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 29 de março de 2020

{Intex} Solar, peritos em autoconsumo fotovoltaico combinado com {aerotermia}

Com duas décadas de experiência na instalação de renováveis, a empresa se tem especializado neste tipo de equipas

J. V. AA MONOGRÁFICOS
30/10/2019

 

{Intex} Solar, empresa com quase duas décadas de trajetória no mundo da instalação de energias renováveis, se tem especializado no autoconsumo fotovoltaico combinado com {aerotermia}. Pablo Fernández, gerente de {Intex} Solar, explica que o panorama mudou muito desde que {cambiara} a regulação e agora “se procura muito o autoconsumo de fotovoltaico em habitação, pois já não há limites quanto a potencia a instalar e a tramitação é muito mais simples. Além disso, os preços dos painéis se têm reduzido muito”.

Por outro lado, Fernández explica que a {aerotermia}, uma energia renovável, permite o aproveitamento da energia gratuita que se encontra no ar exterior da habitação, com a que se obtém refrigeração, aquecimento por chão radiante, e água quente sanitária. Além disso, acrescenta que evita os problemas de armazenagem de combustível (é o próprio ar). “A combinação da {aerotermia} e a fotovoltaica permite poupanças superiores ao cinquenta por cento. Se instala fundamentalmente em unifamiliares. Para rega e poços é ideal porque costuma coincidir a maior irradiação com a época na qual se necessita água. Também há indústrias que estão instalado fotovoltaicas para os consumos altos em campanha”, indica.

Os tempos de instalação disto tipos de sistemas são muito reduzidos, apenas um par de dias. Considera que os preços dos equipas não vão a descer, embora acredita que o rendimento dos painéis sim vai a subir. “Mas já é um sistema rentável, não são necessários tempos de regressos da investimento grandes. De facto, em três anos a instalação se tem amortizado”, explica. Em {Intex} Solar financiam a instalação de autoconsumo fotovoltaico até 72 meses.

As notícias mais...