+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Alconchel: uma oferta feita com estrelas, cultura e gastronomia

O Certificado {Starlight} garante suas condições para o {astroturismo}. O {entregá}, os {Mastros} e a {Zaragutia} Moura som suas surpreendentes festas

 

Destino {Starlight}. Castelo de Alconchel com o céu noturno ao fundo. - EL PERIÓDICO

Redacción AA MONOGRÁFICOS
12/07/2020

A ausência de poluição {lumínica} e a reduzida concentração de partículas da nossa atmosfera e céu fazem de Alconchel um lugar único e de grande qualidade ambiental onde grande parte do ano é possível observar céus escuros e nítidos em grandes zonas do nosso território. Por isso, Alconchel é um lugar reconhecido com o Certificado {Starlight}, que garante suas excelentes condições para a contemplação do céu estrelado e se reafirma como um lugar perfeito para realizar {astroturismo}.

Os certificados da Fundação {Starlight} acreditam àqueles espaços que possuem uma excelente qualidade de seus céus e som um exemplo por sua proteção e conservação. Este sistema de certificação está apoiado pela Unesco, a Organização Mundial do Turismo ({UNWTO}) e a União Astronómica Internacional ({IAU}).

Juntamente com os povos/povoações portugueses e extremenhos {bañados} pelo {Lago} Alqueva, Alconchel se constitui como Primeiro destino {Starlight} transfronteiriço dotando-o duma visão única do universo desde/a partir de o que é o maior/velho {lago} artificial de Europa ocidental, onde céu, terra e água unem Portugal com Espanha num ambiente extraordinário.

O ambiente do Castelo de Alconchel se prepara já para estabelecer em suas imediações o primeiro observador de estrelas completo da Extremadura, onde deleitar-se com os astros mediante sua observação direta com miradouro celeste, mediante telescópio ou num percurso/percorrido a pé, sentindo uma experiência noturna completa por um ambiente desconhecido com total segurança e descobrindo os segredos que guarda o universo, farejando os cheiros e denunciando's com os sons.

O castelo de Alconchel ou castelo de {Miraflores} está construído na cume do outeiro de {Miraflores}, é uma edificação defensiva em zona fronteiriça e se podem visitar suas dependências durante o dia.

Alconchel, Destino Cultural e gastronómico. Alconchel celebra cada ano diferentes atividades que se tornaram em festas de interesse/juro geral na província e na Extremadura. Atualmente destacam dois três festas com história como som O {entregá}, Os {Mastros} e a {Zaragutia} Moura, bem como uma festa gastronómica como é a Feria do Espargo e a {Tagarnina}.

Um jogo de grande tradição durante os carnavais, que se mantém vivo, é o chamado ‘Jogo do {Entregá}’, consistente em que os vizinhos/moradores, disfarçados, se congregam na praça/vaga de Espanha (chamado {coloquialmente} ‘{Terrero}’), distribuindo-se em {corros} ou círculos em toda a praça/vaga, começando a atirar-se ferros-velhos de lama (bilhas, cântaros, etc.).

A noite de 23 de Junho, A Noite de San Juan, os vizinhos/moradores da localidade fazem bonecos de palha (os {Mastros}), que disfarçam, normalmente de acontecimentos {acontecidos} na atualidade, (uma espécie de ludibria), e queimam posteriormente. Esta festa está acompanhada duma verbena na qual os vizinhos/moradores se divertem e dançam ao som da música. Suas origens, tal como noutros povos/povoações próximos, se remontam a vários séculos e nela há um reflexo das ações da Santa {Inquisición}.

A festa ‘A {Zaragutia} Moura’ de Alconchel é uma festa que se celebra o 14 de Agosto de cada ano e onde se relembra a história medieval da Villa e seu castelo durante os séculos XII-XV mediante recriações históricas verosímeis, evitando que seja um decorado com elementos carentes de um autêntico interesse/juro histórico e tendo como eixo argumental a figura da {Zaragutia} Moura, palavra alusiva a um papão que se mantém no acervo popular dos habitantes do povo/vila e que se usa a modo do ‘{tio} do saco’, o ‘{coco}’, etc..

GASTRONOMIA. A oferta gastronómica de Alconchel tornou-se num referente, sobretudo com os espargos e as {tagarninas}, cuja difusão tornou-se numa feira que se celebra a princípios de primavera. Se remonta a cada ano 2012, quando desde/a partir de a Câmara Municipal se apresentaram conseguir que estes dois produtos autóctones, que se {recolectan} de forma silvestre no concelho de Alconchel desde/a partir de tempos imemoriais, se convertessem num motor de desenvolvimento que contribuísse ao crescimento económico e social da localidade. Para pôr em valor ambos produtos pôs-se em marcha a Feria do Espargo e a {Tagarnina} onde se potencia a venda de ambos, a cozinha ao vivo, o maridagem com outros produtos, com jornadas técnicas, etc., conseguindo incrementar a colheita, explorar novas vias de dinamização socioeconómica do território, diversificar a estrutura produtiva local e analisar a implantação de indústrias inovadoras. Já supõe um ingreso importante para as economias familiares durante as épocas de colheita. Também há uma Feira de Amostras uma centenária feira pecuária.

Alconchel conta hoy, {despues} de mais de 1.000 anos de história, com uma larga/ampla pasta de serviços públicos no centro da Região de Olivença, que fazem do sítio um lugar de encontros onde ninguém se sente forasteiro.