+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

O novo radar da avenida Reina Sofía começa a funcionar amanhã

Noutros pontos da cidade se colocarão grupos reduzidos e se reverão os sinais. Multará desde/a partir de o primeiro momento para evitar acidentes e as retenções de trânsito

 

Rodríguez Osuna e {Guijarro}, reunidos ontem com novos agentes de policia municipal. - EL PERIÓDICO

REDACCIÓN
11/03/2020

O radar situado na avenida Reina Sofía, à altura do parque comercial A Herdade, começará amanhã a funcionar e multará desde/a partir de o primeiro momento os excessos de velocidade. Segundo recordou ontem o vereador de Trânsito e Seguridad Ciudadana, Quadro Antonio Guijarro, esta via limitada a 50 quilómetros por hora é a que suporta maior/velho densidade de trânsito de toda a cidade e por {ende}, a que apresenta os maiores/ancianidade problemas de segurança via.

Num comunicado, o delegado recordou que o objetivo do radar é previr acidentes e mostrou-se «convencido» de que com a sua posta em marcha diminuirão os sinistros e melhorará a segurança para veículos e peões. Além disso, indicou Guijarro, ao diminuir a velocidade «gerará fluxos de trânsito mais estáveis para evitar as retenções».

À margem da instalação deste novo radar, a Câmara Municipal tem revisto toda a sinalização da zona e vão a instalar novos cartazes informando aos condutores da sua existência.

SEIS FAIXAS DE RODAGEM / O novo radar é o modelo Cabina {Urban} com Multiradar C, capaz de controlar de forma simultânea até seis faixas de rodagem em ambos sentidos com total identificação do infrator e seu faixa de rodagem com precisão. Conta com uma câmara digital de reduzido tamanho que mede velocidades entre 20 e 300 quilómetros por hora.

Guijarro recorda que a avenida Reina Sofía tem uma densidade de trânsito duns 12.500 veículos ao dia de segunda-feira a sexta-feira, dos quais uns 700 som camiões. Durante o fim-de-semana o trânsito baixa a uns 8.000 automóveis, dos que meio centenar som camiões. As últimas mortes em acidentes de viação no centro urbano de Mérida se produziram nesta avenida.

Para a melhoria da segurança via, a câmara municipal está iniciando uma campanha de instalação de redutores de velocidade em diferentes pontos e também se está revendo toda a sinalização vertical. Além disso, nos últimos meses se têm instalado novos semáforos com testemunhas led e contadores de tempo, e iluminado nos passos de peões mais transitados. «O processo de incorporar medidas de prevenção e segurança é contínuo e terá mais atuações», assegurou Guijarro, que assinalou à consciencialização e educação via como a melhor medida de prevenção.