Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 17 de julho de 2018

A empresa encarregada das obras do teatro abandona o projeto

Se têm paralisado os trabalhos de restauração no frente cénico

REDACCIÓN MÉRIDA
29/12/2017

 

As obras de restauração do frente cénico do teatro romano estão paralisadas. {Contrafforte} {Restauro}, a empresa adjudicatária dos trabalhos por um montante de 79.567,92 euros, tem abandonado o projeto por desavenças com o Consórcio da Cidade Monumental de Mérida. O organismo informa a este diário/jornal de que a data de hoje os trabalhos encontram-se paralisados e se tem desmontado tudo o andaimaria porque a empresa adjudicatária «não quer assumir as medições da obra existentes» no projeto arquitetónico.

Em consequência, o consórcio decidiu «rescindir de maneira amistosa o contrato e continuar com o legalmente estipulado no procedimento aberto de licitação». Os trabalhos, que começaram em finais de Outubro, contemplavam um período de execução de quatro meses. O organismo monumental recorda que os processos consistiam na elaboração de {fotogrametrías}, sujeição e limpeza em superfície de todos os mármores: {capiteles} e {fustes} de colunas, molduras e relevos decorativos, bem como a reparação dos {hormigones} e dos morteiros do muro que se têm detetado em mau estado devido às filtrações de água e a exposição à intempérie.

O projeto, redigido pela arquiteta María López, se adjudicou a {Contrafforte} em baixa, já que o valor estimado da obra foi de 128.885,11 euros na convocatória de contratação.

As notícias mais...