Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 23 de novembro de 2017

800 agentes velarão pela segurança nas ruas durante os dias de feira

Já se tem multado por não respeitar o horário de fecho e a venda de álcool a menores

MANUEL LÓPEZ
29/08/2017

 

Mérida reforçará a segurança na feira. Após a Junta Local de Seguridad celebrada ontem, o presidente da Câmara Municipal, Antonio Rodríguez Osuna, e a Delegada do Governo na Extremadura, Cristina Herrera, deram a conhecer vários dados que confirmavam a descida dos delitos em Mérida no último ano e várias medidas para a feira, como o aumento do número de efetivos dos corpos de segurança que terá nas ruas.

Se o ano passado o dispositivo da feira contava com perto de 700 agentes, nesta edição contará com 800 aproximadamente. Além disso, muitos destes agentes estarão pelas ruas à paisana controlando «a venda de álcool a menores e os atos de vandalismo», segundo confirmou o presidente da Câmara Municipal. Mais de 10 patrulhas da policia municipal velarão pelos emeritenses e também chegarão «reforços» à cidade de Polícia Nacional de outros lugares.

O vereador municipal assegurou que no sábado de feira se esperam «perto de 15.000 pessoas nas ruas da cidade» tanto/golo pela feira como pelos touros e o concerto do ‘Stone’. Portanto, desde a Polícia Nacional propuseram à Câmara Municipal a instalação de {maceteros} e {bolos} em lugares como o templo de Alvo, a Porta da Villa, a praça/vaga Margarita Xirgu, o Passeio de Roma e a rua José Ramón Mélida para impedir a entrada de veículos a estes lugares nos que se espera muitas pessoas. De facto, ontem já se começaram a instalar pelas ruas da cidade.

Por seu lado, o presidente da Câmara Municipal também mencionou que nos dois últimos fins-de-semana se tinham realizado uma média/meia de 15 denúncias a pessoas e locais por «venda de álcool sem autorização, urinar na via pública, incumprimento de fechos ou consumo de álcool em menores», afirmou o vereador que por sua vez, pediu «civismo» aos cidadãos. Quanto aos locais que terão barra/balcão na rua, Rodríguez Osuna informou que se alargou o prazo de pedido/solicitação até amanhã e que o número será mais baixo em relação ao do ano passado .

Por outro lado, a delegada do Governo na Extremadura, Cristina Herrera, felicitou à polícia nacional pela descida nos delitos em relação ao ano passado. Além disso, Herrera, recomendou aos emeritenses tomar o transporte público para o concerto no albergue, que abrirá as suas portas duas horas antes do começo, e pediu «paciência» na hora de desalojar o recinto para que tudo decorra com normalidade.

As notícias mais...