El Periódico Extremadura | Sexta-Feira, 20 de julho de 2018

Concerto de Os Segredos o 6 de Abril em Cáceres

O grupo oferecerá na cidade um acústico ao cumprir-se seu 40 aniversário. Chega da mão da promotora {Backstageon} a preços de 35 e 30 {€}

MIGUEL ÁNGEL MUÑOZ 12/01/2018

O hino de Os Segredos está no top {ten} das melhores canções de amor da história musical espanhola, e isso que ‘Mas a teu lado’ a compôs faz mais de duas décadas o desaparecido Enrique Urquijo em homenagem a sua filha María. No entanto, a canção, atemporal, soberba e sobrevivente da memória coletiva deste país, é um talismã inolvidável da mitológica grupo/ponta que neste ano cumpre 40 sobre/em relação a os cenários e que passará por Cáceres o próximo 6 de Abril com um concerto que oferecerá na Sala Maltravieso Capitol.

É uma oportunidade única para os incondicionais destes Segredos capitaneados pelo cantora e compositor Álvaro Urquijo, que junto a Ramón Arroyo e Jesús Redondo, estão agora imersos na digressão ‘Uma vida a teu lado’, que precisamente esta noite lhes leva a Almendralejo (Sala Lio {the} {show}) e amanhã ao Teatro López de Ayala de Badajoz, com as entradas já esgotadas.

Certamente acontecerá o mesmo em Cáceres. «Esperemos que voem», disse ontem Carlos Ortiz, responsável da promotora {Backstageon}, que recordou que a lotação de Capitol é de 400 pessoas e que as poltronas na zona de pátio se oferecem a 35 euros e na bancada de em cima, a 30. As entradas estão à venda em {Ticketea} e a partir das semana que vem poderão adquirir-se em papel em Acordes (rua {Clavellinas}, de Cáceres) e em {Vivaldi} ({Gil} {Cordero}).

«Queríamos ir com um concerto de prestígio e é uma boa oportunidade para nossa promotora porque se trata de um grupo de referência». Tem razão Carlos Ortiz ao dizer isto, porque Os Segredos têm detrás uma legião de seguidores. E é verdade que a morte, a indústria e as drogas foram os três grandes inimigos deste grupo, tanto/golo é por isso poderia considerar-se um milagre que sigam/continuem publicando discos e dando concertos. No entanto, eles sempre encontravam o modo de reconstruir-se com os pedaços que ficavam e hoje fazem parte da elite de artistas privilegiados que têm transcendido uma época.

Os cacerenhos terão, pois, a oportunidade de usufruir da música genuína de Os Segredos, e poderão fazê-lo na reaberta Capitol, que gere desde há umas semanas a companhia {Border} {Scene}, que neste caso tem alugado sua sala à promotora de Ortiz para que esta possa acolher o concerto, segundo confirmou o dramaturgo Isidro Timón, membro de {Border} {Scene}.

Enquadrada em suas origens junto a outros grupos como {Nacha} Pop no {renovador} movimento que vinho a chamar-se nova onda madrilena, Os Segredos se criaram em Madrid nos 80 e têm somado com os anos tudo um legado de temas de culto como ‘{Déjame}’, ‘Olhos de perdida’, ‘{Agárrate} forte a mim María’ ou ‘Pela rua do esqueço’. A cita/marcação/encontro, o 6 de Abril; não podem perder-se-la.