Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 26 de janeiro de 2020

E La Vera arde entre a noite

Os vizinhos/moradores e numerosos visitantes das localidades extremenhas de {Jarandilla}, {Aldeanueva} e {Madrigal} usufruem com fogueiras e {escobazos} duma noite mágica, cheia de fervor, fogo e tradição em honra à Virgem da {Inmaculada} Concepción

ALEX DE MATÍAS
08/12/2019

 

Llegó a noite mais esperada por todos os vizinhos/moradores de {Aldeanueva} da Vera, Jarandilla de la Vera e Madrigal de la Vera. E tal como chegou, se {esfumó} no que foi uma noite de fogo, cânticos, {vítores}, vinho, comida/almoço, sorrisos, lágrimas, fervor e paixão. Porque o 7 de Dezembro, nestas três localidades {veratas}, não é um dia qualquer, é uma data marcada no calendário e em honra à Virgem da {Inmaculada} Concepción, com as fogueiras e o fogo como protagonista indiscutível da jornada.

É que é imponente ver tudo um município a escuras esperando a chegada do estandarte da Virgem e ver, como a seu passo, vão acendendo as fogueiras que os vizinhos/moradores têm preparado com muito esmero durante esse dia. Também é digno de ver os {escobazos} pegados e sendo golpeados nas costas e as pernas dos {jarandillanos}. Sem dúvida, ver como os mais jovens já têm inculcada esta tradição, faz assegurar o futuro da festa para muitos anos. Começou depois a tradicional procissão pelas ruas da localidade, sempre iluminadas com as fogueiras e {escobones}, até chegar a a igreja onde se produziu um dos momentos mais esperados e de maior/velho paixão entre os vizinhos/moradores e visitantes, que foram muito numerosos nesta Fiesta de Interesse/juro Turístico Regional e que demonstrou, um ano mais, que se merece o reconhecimento de interesse/juro nacional.

E depois já foi momento para a celebração com familiares e amigos em garagens, garagens, com vinho e produtos típicos da zona e, assim, passar o ‘mau trago’ de ter que esperar até ao ano que vem para viver a festa maior a localidade de Jarandilla de la Vera.

¡Viva, viva!

Em {Aldeanueva} também saiu em procissão o estandarte da virgem, uma tradição que cada ano renasce com essa marcha a cavalo pelas ruas e praças/vagas, fogueiras por todos os cantos, rondas e refeições ao calor da {lumbre}, no que foi, sem dúvida, outra mostra mais do fervor dos vizinhos/moradores. Em {Madrigal} também se desenvolveu a festa de As {Luminarias}.

As notícias mais...