Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 26 de janeiro de 2020

Torrejoncillo exibe seu fervor {mariano}

A festa da {Encamisá} reuniu ontem à noite a milhares de pessoas em torno da imagem de María Inmaculada

REDACCIÓN CÁCERES
08/12/2019

 

O fervor {mariano} reina na noite de Torrejoncillo. Os olhares de milhares de pessoas voltaram a concentrar-se um ano mais na imagem de María Inmaculada, protagonista indiscutível da {Encamisá}, uma Festa de Interesse/juro Turístico Regional desde/a partir de o ano 1997 que congregou ontem à noite a 150 {escopeteros} e 200 jóqueis para acompanhar ao estandarte da virgem.

Como é tradição, os jóqueis cobertos com lençóis brancos encheram as ruas e praças/vagas do município cacerenho, em lembrança da estratégia de defesa que, segundo conta a lenda, levaram a cabo os {torrejoncillanos} durante a Batalha de Pavía, para ocultar-se do inimigo entre a neve. Segundo recorda Europa Press, algumas lendas apontam a que a origem da festa está nesta batalha, que se deliberou o 24 de Fevereiro de 1525 entre o exército francês no comando do rei Francisco I e as tropas germano-espanholas do imperador Carlos V, e na qual um grupo de {torrejoncillanos} se cobriu com lençóis brancos e se encarregou à Virgem para poder/conseguir internar-se nas linhas inimigas sem ser descobertos no paisagem nevado.

Não se sabe com certeza se isto foi assim mas sim que a origem da festa é uma batalha e daí os cavalos e as espingardas emulando o exército. A festa tem agora um cariz religioso em agradecimento à Inmaculada que conseguiu, segundo a lenda, que as tropas espanholas conseguissem seu objetivo nesta localidade italiana. O ato central desta tradicional festa teve lugar ontem, às 22.00 horas, quando se produziu a saída do estandarte de María Inmaculada desde/a partir de a igreja de São Andrés e a celebração da posterior procissão de A {Encamisá}. Ao concluir o ato, a associação de Paladinos da {Encamisá}, convidou aos assistentes ao ‘{coquillo}’, doce típico.

As notícias mais...