Menú

El Periódico Extremadura | Sábado, 17 de novembro de 2018

Rosa María Araújo substitui a {Aurelio} García à frente de {Redex}

Considera seu principal repto/objetivo travar a perda de população rural

REDACCIÓN CÁCERES
12/06/2018

 

A presidenta da Câmara Municipal de {Tamurejo} (Badajoz), Rosa María Araújo, foi escolhida ontem, por unanimidade de todos os grupos de ação local, presidenta da Rede Extremenha de Desenvolvimento Rural ({Redex}) em substituição de {Aurelio} García, que ocupava o cargo desde 2001. A que era vicepresidenta de {Redex} desde 2016 será a partir de agora a presidenta desta rede, após celebrar-se em Mérida sua Assembleia Geral, a cuja abertura assistiu a conselheira de Ambiente e Rural, Políticas Agrárias e Território, Begoña García Bernal.

O presidente da Junta, Guillermo Fernández Vara; bem como os responsáveis das assembleias provinciais de Cáceres e Badajoz, Rosário {Cordero}; e Miguel Ángel Gallardo, respetivamente; e o responsável da {Fempex}, Francisco Buenavista, foram também à Assembleia, neste caso ao ato de encerramento/encerra.

A votação de Araújo foi unânime e a mão levantada e incluiu, também, a designação como vice-presidente de {Redex} a Luis Mariano Martín Mesa, presidente de {Adisgata} e presidente da Câmara Municipal de Villasbuenas de Gata.

Rosa María Araújo disse sentir-se muito orgulhosa pelo apoio recebido e confiou em poder/conseguir estar à altura dos novos reptos/objetivos que se apresentam no desenvolvimento rural. No seu entender, tratar de evitar o despovoamento das zonas rurais é o grande desafio ao que se enfrenta esta entidade, pelo que é essencial gerar oportunidades para que os jovens possam permanecer em seus povos/povoações.

As notícias mais...