Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 26 de septembro de 2017

¿Podemos cuidar da nossa saúde mental?

Amanhã celebra-se o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio, uma realidade silenciosa que acaba com as vidas de muitas pessoas na Extremadura

REDACCIÓN MÉRIDA
09/09/2017

 

Temos muito presente que o ser humano é algo mais que um organismo, e que os componentes psicológico e social são parte indivisível de nós e nossas vidas. E aos poucos nos {concienciamos} de cuidar nosso colesterol, o peso, rever a vista e outros aspetos da saúde corporal. Mas ¿fazemos algo para cuidar nossa saúde mental?

Saúde Mental Positiva são todos os aspetos de saúde mental que têm que ver com o bem-estar emotivo e {conductual} da pessoa. Se compõe do conceito/ponto que temos de nós mesmos, a capacidade de resolver problemas, o poder/conseguir estabelecer relações sociais importantes e a sensação de ser proprietários das nossas próprias decisões.

Cuidar da nossa saúde mental é cuidar e propiciar nossa Saúde Mental Positiva. Desde o Servicio Extremeño de Salud queremos oferecer um revisão rápida mas essencial daqueles elementos e ações que pudessem melhorá-la.

Em primeiro lugar, temos de prestar atenção ao conceito/ponto que temos de nós mesmos. ¿É positivo ou negativo? Podemos enumerar sem duvidar elementos positivos da nossa pessoa (generosidade, amabilidade, diligência…), ou pelo contrário vêm a nossa consciencializa aspetos negativos (falta de jeito, inferioridade, incultura…).

É um exercício conveniente para melhorar nosso conceito/ponto prestar atenção a todas aquelas ocasiões que no dia-a-dia fazemos algo bom para os demais ou para nós mesmos. Quando somos capazes de ter em conta nossas necessidades ou as necessidades dos que nos rodeiam, pomos em marcha nosso melhor eu mesmo.

Ter um bom autoconceito/ponto não significa acreditar/achar-se mais que ninguém. Ao contrário, é também poder/conseguir olhar com respeito e amabilidade nossos defeitos, que seguro que existem. E poder/conseguir permitir-nos cometer erros sem acusar-nos. Poder/conseguir enganar-se, corrigir os erros e continuar é indicativo duma boa autoconceção. Façamos o esforço diário/jornal de prestar atenção ao bom que temos, {aceptemos} nossos erros e vamos construindo nossa melhor visão de nós mesmos.

Por outro lado, o ter e manter relações sociais importantes e significativas é chave para nossa saúde mental.

¿Como fomentar esta {sociabilidad}? Pois acima de tudo, não encerrando-se e estando disposto a encontrar-se com os demais. Olhar aos olhos, ouvir ativmente e mostrar empatia são elementos chaves que constroem relações sociais, já que poder/conseguir contar com outros consolida nossa boa saúde mental.

Não é fácil olhar aos olhos e muito menos prestar atenção sincera. Mas ao fazê-lo podemos descobrir como a relação vai crescendo e pode chegar a uma amizade. Mostrar empatia, isto é, pôr-nos no lugar do outro, é o definitivo componente para que a relação se volte significativa e nos encha o tempo, o coração e, naturalmente, a mente.

Ao longo/comprido da nossa vida diária, por muito tranquila ou movimentada que seja, nos {enfrentamos} a pequenos e grandes problemas. Se sentimos que nos passam acima, que não somos capazes de enfrentá-los, nossa saúde mental vai-se a {resentir} certamente.

¿Podemos aprender a resolver problemas? Naturalmente. Ninguém nasce sabendo e a vida ou a família não sempre nos dão as ferramentas necessárias para isso.

Podemos encontrar maneiras de resolver nossos assuntos através das relações com os demais, a educação dos nossos professores e professores, a leitura ou mesmo ajuda nos profissionais da atenção sanitária e social. Para aumentar nossa Saúde Mental Positiva não deixemos de procurar pessoas e lugares que nos encham de maneiras diferentes de enfrentar nossas vidas, para além de tudo o que nossa própria família já nos oferece.

Com tudo isso podemos forjar uma sensação de ser proprietários das nossas decisões. O sentir que vamos à deriva, ao {albur} do que outros decidem ou os acontecimentos nos marcam, ensombra nossa saúde mental.

Desde o Servicio Extremeño de Salud queremos convidar a toda a cidadania da Extremadura a refletir sobre/em relação a estes conceitos/pontos e a introduzir estes exercícios de cuidado da nossa saúde mental, tal como {caminamos} uma hora ao dia.

As notícias mais...