Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 21 de septembro de 2017

A Junta atuará em montes privados de {Árrago} e {Jola} para previr incêndios

Estão situados em zonas de alto risco e são de interesse/juro geral

REDACCIÓN MÉRIDA
13/09/2017

 

A Junta fará uso pela primeira vez nos Vales de {Árrago} (Serra de Gata) e {Jola} (Serra de São Pedro) da faculdade que lhe confere a lei para realizar atuações de prevenção de incêndios em montes privados situados em zonas de alto risco mediante a declaração de interesse/juro geral destes trabalhos.

No conselho de Governo se aprovaram {sendos} decretos pelos que se atualiza a planificação preventiva de incêndios florestais do Vale/cerque do {Árrago}, na zona de alto risco de Serra de Gata, com um orçamento de 1.353.534 euros, e do Vale/cerque do {Jola}, na zona de alto risco de Valencia de Alcántara (Serra de São Pedro), por 1.524.985 euros. Esta possibilidade de que a administração possa recorrer à execução dos trabalhos necessários para previr os incêndios, sem cargo ao proprietário dos terrenos, está recolhida na Lei de Montes, sempre que se declare o interesse/juro geral.

Segundo ambos decretos, tendo's declarado o interesse/juro geral da execução urgentíssima destes trabalhos preventivos de incêndios, o procedimento se iniciará de ofício, por acordo do órgão diretivo. Com anterioridade ao início do procedimento, se abrirá um período de informação.

As notícias mais...