+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

O Plano Ativa 2019 arranjará três ruas por valor de 287.206 euros

As obras da rua {Manzanillo}, de {Huertas}, começaram a amanhã de ontem

 

A rua {Manzanillo}, de {Huertas}, onde se está substituindo provisoriamente a rede de abastecimento de água. - EL PERIÓDICO

YOLANDA JIMÉNEZ BENITO prov-caceres@extremadura.elperiodico.es TRUJILLO
17/01/2020

O Pelouro de Obras do Ayuntamiento de Trujillo continua centrada no seu calendário de ações, assim, ontem de manhã reuniu-se com as empresas encarregadas de ser feito as obras que pertencem ao Plano Ativa 2019 e com a direção de obras de dito plano.

A quantia estipulada para desenvolver os processos previstas é de 287.206,50 euros. Do esta quantidade/quantia, a Diputación de Cáceres dá 258.485,85 e a Câmara Municipal da cidade 28.720 euros.

Segundo Raúl Gómez, vereador de Obras da Câmara Municipal, «o encontro de ontem tinha como objetivo planificar os passos que vão a seguir/continuar nas obras do Plano Ativa 2019 e que têm como fim principal a substituição das redes de abastecimento e de saneamento e a pavimentação de três ruas: {Manzanillo}, O Cano e O Plano».

Na primeira delas já se tem começado a trabalhar, nomeadamente «na substituição provisória da rede de abastecimento de água por uma superficial, que vai por fora». Assim, Gómez considera que «na segunda-feira da semana que vem as máquinas estarão demolindo o pavimento de dita rua, cuja atuação terá uma duração aproximada de um mês».

No caso da rua O Cano, via paralela à N-521 em Trujillo, as obras, segundo o vereador responsável, «darão começo em meados de Fevereiro, embora previamente, se realizarão algumas degustações para conhecer a situação na qual encontra-se a rede de águas». A seguir, a partir do mês de Abril, o plano se transferirá à rua O Plano, em {Huertas}, onde também proceder-se-á a substituir as redes de saneamento e abastecimento e à pavimentação do terreno.

Por outro lado, Gómez comenta que se continuam executando as obras enquadradas no Plano Ativa 2017 e 2018, nas que atualmente se está a trabalhar na substituição duma {alcantarilla} coletora localizada num cercado da rua {Regajo} que comunica com a avenida Reina María Cristina, à altura de {Huertas} de Almas. «A previsão é finalizar esta questão em doze dias», concreta/concretiza.

Uma vez concluída, o vereador assinala que em meados de Fevereiro se começará a trabalhar nas ruas Margarita Iturralde e Ferreiros, «principais pelo trânsito que albergam e essenciais para o desenvolvimento da Páscoa. Por isto, se tem concertado que estas duas vias estejam terminadas para este período», esclarece.

Em qualquer caso, Gómez tem, por experiências anteriores certa prudência na determinação de prazos, sobretudo, tendo em conta razões meteorológicas como as copiosas chuvas que influíram no atraso dos movimentos relativos ao cano de esgoto de {Huertas}. «Neste caso, se tinha previsto começar no mês de Dezembro, no entanto, devido às chuvas, é agora quando se estão realizando».