Menú

El Periódico Extremadura | Quarta-Feira, 20 de junho de 2018

Os docentes aprendem a atuar perante uma emergência sanitária

Conhecem os passos a seguir/continuar para previr as doenças comuns

SOLEDAD GÓMEZ TRUJILLO
11/01/2018

 

Desde a Junta de Extremadura se tem elaborado o Protocolo de Atuação perante Urgências Sanitárias nos centros educativos da Extremadura, orientado a dispor nos centros de um protocolo acordado que estabeleça os passos a seguir/continuar para previr situações de crise nas doenças mais frequentadoras entre o os alunos, e garantir uma resposta efetiva perante urgências sanitárias que se podem apresentar no meio escolar. Daí que o Centro de Professores e Recursos ({CPR}) de Trujillo tenha programado um curso que será dado o 17 e 24 de Janeiro, 1 e 8 de Fevereiro, de 16.30 a 19.30 horas, por três médicos especialistas em emergências.

É um curso muito prático com estações definidas para a aquisição de habilidades práticas e simulação de cenários, utilizando manequins. Os participantes poderão identificar e tratar a um paciente grave e em paragem/desempregada/parada {cardiorespiratoria}, em espera da chegada de um plantel/elenco de assistência sanitária. As inscrições, na web do {CPR} de Trujillo antes do 15 de Janeiro.

As notícias mais...