Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 17 de fevereiro de 2020

O antigo {silo} conta com um ‘Grande Irmão’ do {cernícalo} {primilla}

Há várias câmaras situadas nas caixas ninho para observar seu comportamento

SOLEDAD GÓMEZ
12/07/2019

 

São cada vez mais os profissionais ou adeptos à {ornitología} que, atraídos pela colónia de {cernícalos} {primillas}, vão as instalações do Centro Integral de Desenvolvimento ({CID}) {iNovo} de Trujillo, localizado no antigo {silo}. E não só/sozinho o visitam por fora, para contemplar a entrada e saída destes pássaros da vintena de caixas ninho, mas também por dentro. É que numa de suas salas encontra-se um ecrã na qual se pode observar de perto e durante 24 horas todos os movimentos dos {primilla}. É graças à instalação de câmaras realizada pelo projeto {Life} {Zepa} {Urban}, encarregado da gestão das {ZEPA} urbanas para a conservação do {cernícalo} {primilla} na Extremadura. Nomeadamente há três câmaras que se encontram em diferentes pontos «uma delas dentro duma das caixas ninho e outras em diferentes posições para ver em geral o comportamento da colónia». O conta {Miriam} Marín, {ornitóloga} vinculada à proteção do ‘{mícal}’ de Trujillo, como se conhece comummente a estas aves na cidade. «Trata-se de uma espécie de Grande Irmão para aves» exemplifica Marín, já que desde a ecrã e através de um comando {joystick} se pode ir mudando a posição das câmaras e observar em tempo real questões «como quantos machos e fêmeas há, seu comportamento ou os hábitos de alimentação», explica. Mas também serve como recurso turístico, já que são cada vez mais os interessados no {cernícalo} {primilla} que vão à cidade para observá-los e estudá-los. É que este ave é uma espécie emblemática em Trujillo, mas que tem descido sua população de forma urgente, perdendo em dez anos o 40 % da sua população. Não é em vão, se tem delimitado uma zona de especial proteção e cada ano se empreendem ações para oferecer mais sobre/em relação a estes pássaros, contando com um festival anual na cidade para sua difusão e posta em valor. Igualmente, costuma ser visitada a praça de touros onde se assinta outra importante colónia, e onde também instaladas caixas ninho. Por isso, as empresas dedicadas a oferecer pacotes turísticos em Trujillo e seu ambiente oferecem cada vez mais atividades relacionadas com as rotas urbanas «nas que poder/conseguir usufruir do património histórico da cidade ao mesmo tempo que se podem observar aos {micales}», conta Marín, que além disso gere uma delas.

O {cernícalo} {primilla} é uma espécie que está acostumada a convivir com o homem e que {anida} nos vazios das edificações. Por isto motivo, também se trabalha na consciencialização cidadã, para não entorpecer seu {anidamiento}, especialmente na época de reprodução. Não é em vão, há uma o regulamento que estabelece restrições na hora de realizar obras em cobertas e fachadas nalgumas zonas da cidade que podem estar protegidas, entre os meses de Fevereiro e de Julho.

As notícias mais...