+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

Uma apaixonada dos idiomas que equilibra números de empresa

É a produtora executiva e contabilista de The {Glow} e do filme de animação sobre/em relação a Buñuel

 

Galardonada 8 Alicia Díez García, Mulher Empresária de Almendralejo 2020. - R. {MORÁN}

RODRIGO MORÁN ALMENDRALEJO
15/03/2020

Alicia Díez García (Almendralejo, 1976) é um dos segredos melhor guardados do {exitazo} do filme sobre/em relação a Buñuel que tem conquistado um prémio Goya. Esta apaixonada dos idiomas é a produtora executiva e contabilista da empresa The {Glow} e foi, durante muito tempo, o regulador financeiro do filme que tem situado a Extremadura no mapa do cinema internacional. Sua cidade lhe reconhece agora seu mérito após escolhê-la Mulher Empresária de Almendralejo. O fez o Conselho Local da Mulher, que lhe tem entregue um merecido prémio.

Realmente, a chama empresarial de Alicia procede mais de seu amor pelos idiomas que da pura ambição pelos negócios. Muitos não sabem que José María Fernández de Vega é o seu marido ({coproductor} de Buñuel no labirinto das tartarugas), tal como outros também ignoram que ela foi uma peça chave para fazer a citado filme.

«Não me gostava a Universidade. Considerava que não aproveitava bem o tempo e {decidí} atirar por outro caminho», explica Alicia Díez, que se afastou da sua formação baseada na ramo biosanitário para concentrar-se no inglês. Seu conhecimento deste idioma e seu título em Administração e Finanças (um módulo profissional) lhe permitiram integrar-se numa fábrica de têxtil que exportava pedidos a toda a gente. Estava em seu molho. «Tinha contactos com fornecedores e clientes de muitas partes do mundo. Geria e praticava o inglês. O ideal».

Essa experiência, unida a seus estudos lhe abriram as portas do estudo de Arquitetura {Arias} e Ramos em 2004, em Don Benito. Durante o boom imobiliário, foi a gestora de todo o tipo de estudos, visados, certificações e documentação que se requer tramitar num estudo referente na região. Ali iniciou um romance com outro idioma, o alemão, que segue/continua {perfeccionando}.

A crise do tijolo e sua maternidade (é mãe de Alicia e Esther), lhe fizeram reconsiderar-se sua vida laboral, tomando's um tempo que dedicou a estudar francês, após o qual optou por meter-se em cheio em The {Glow}, a empresa de o seu marido, na qual tem assumido as tarefas de gestão e contabilidade, e na qual seus estudos da língua de {Balzac} lhe foram muito valiosos para supervisionar textos do filme sobre/em relação a Buñuel.

«José María e eu nos entendemos muito bem. Nos {equilibramos} muito. Ele é a parte criativa. Eu sou a parte arrumada. Mais {cuadriculada}», confessa.

Para Alicia, o prémio supõe uma grande satisfação. «Quando me o comunicaram me senti aflita. Eu sou uma pessoa que trabalha como todas para tirar o dia-a-dia da família. {Disfruto} e {amo} o que faço». E que seja por muitos anos mais.