Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 2 de abril de 2020

A Junta investe 350.000 euros em acondicionar o caminho a Jarro

O processo afeta a 13 quilómetros de traçado entre Extremadura e Huelva. Beneficiará às explorações agrícolas e pecuárias e ao turismo rural

RAFA MOLINA prov-badajoz@extremadura.elperiodico.com MONESTERIO
06/03/2020

 

La Junta de Extremadura investe 349.404 euros no acondicionamento do caminho de Jarro, nos termos municipais de Monesterio e {Calera} de León. O arranjo desta importante via de comunicação, que liga Extremadura e Huelva, melhoria a circulação/trânsito às explorações agrícolas e pecuárias da zona e incide em tudo o relacionado com o turismo rural num dos enclaves de maior/velho valor ecológico do sul da região extremenha.

Segundo explicou o presidente da Câmara Municipal de Monesterio, Antonio Garrote, a cumprimento deste caminho fazia inviável seu acondicionamento com financiamento próprio, com o qual se fez necessária a cooperação da Junta de Extremadura, encarregada de financiar este projeto, que afeta a uns 13 quilómetros de percurso/percorrido.

ALBERGUE / Para além de «melhorar as comunicações com Andaluzia» e de supor um substancial benefício aos «proprietários de explorações agrícolas e pecuárias», estas obras supõem, segundo Garrote, a melhoria dos acessos a “as importantes explorações florestales”, do ambiente, bem como a tudo o relacionado com «o turismo ativo». Cabe {recordar} que o próprio Câmara Municipal possui uma parcela na zona de {Aguafría}, onde existe um pequeno albergue, para o qual atualmente «se trabalha num projeto de turismo da natureza».

Este projeto faz parte do Plano Geral de Caminhos no qual a Câmara Municipal de Monesterio trabalha ao longo/comprido de todo o ano devido à grande extensão de seu concelho. Para sua realização, o plano conta com financiamento próprio, procedente dos cofres municipais, com a colaboração do parque de maquinaria da mancomunidad (conjunto de municípios) de {Tentudía}, ou como é o caso, com ajudas procedentes da Junta de Extremadura, cujos orçamentos incluem uma segunda verba/partida para o arranjo do caminho de Os Coutos, --de próxima execução–, cuja investimento ronda os 146.000 euros.

As notícias mais...