Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 25 de junho de 2018

Os jovens desempregados poderão aprender os trabalhos florestales

Será através de um curso de formação do projeto {Remjo} no {CID} {Tentudía}. A Câmara Municipal inicia uma campanha contra o {picudo} vermelho no município

RAFAEL MOLINA prov-badajoz@extremadura.elperiodico.com MONESTERIO
27/05/2018

 

Um total de 15 desempregados jovens, com idades compreendidas entre os 16 e os 30 anos, serão beneficiários de um curso de aproveitamento florestal. Trata-se de um curso que está organizado pelo Área de Desenvolvimento Local da Assembleia provincial Provincial de Badajoz, através do projeto {Remjo}, de integração sustentável de pessoas jovens no mercado de trabalho.

Trata-se, segundo explica Pilar García, técnica de orientação deste programa, duma «iniciativa com importantes saídas laborais».

O curso se tem programado tendo em conta «a constatação» da necessidade deste tipo de profissionais na zona, devido, entre outros fatores, à grande masa florestal deste território.

Os destinatários, que devem estar desempregados e possuir no mínimo título em ESO ou FP de Grau/curso universitário Superior, poderão trabalhamos/trabalhámos como operários podadores, técnicos em motosserras, {corcheros}, ou especialistas em trabalhos arbóreos de altura.

O prazo de inscrição está aberto até ao 6 de Junho, no {CID} {Tentudía}. O curso terá uma duração de sete meses, entre o 15 de Junho e o 15 de Dezembro. Além disso, os alunos e alunas receberão uma bolsa diária por assistência a classe.

{PICUDO} VERMELHO / Por outro lado, alertados da presença do {picudo} vermelho nalgumas palmeiras da localidade, a Câmara Municipal desenvolve uma campanha de prevenção, tratamento e erradicação deste inseto de origem tropical, que afeta mortalmente a este tipo de árvores ornamentais.

Segundo o vereador de ambiente, Javier Amador Hierro, a Câmara Municipal está a desenvolver esta campanha com a dobro intenção de, por um lado «manter o bom estado {fitosanitario} da espécie», ou em seu caso, «eliminar aquelas palmeiras gravemente afetadas, que não podem recuperar-se do ataque deste {coleóptero}». Amador Hierro manifesta que «as intervenções estão dado bons resultados».

As notícias mais...