Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 19 de agosto de 2019

‘Face de pão’ ‘Feliz final’, ‘{Ordesa}’ e ‘Sul’, finalistas do prémio Dulce Chacón 2019

Dotado com 9.000 euros, o júri dará seu erro o 23 de Novembro

EFE ZAFRA
13/08/2019

 

Quatro obras literárias já publicadas, Face de Pan, de Sara Mesa, {Ordesa}, de Manuel Vilas, Sul, de Antonio Soler, e Feliz final, de Isaac Rosa são as finalistas da décimo quarta edição do Prémio de Narrativa Dulce Chacón, dotado com 9.000 euros. O erro do galardão, que impulsiona a Câmara Municipal de Zafra, cidade natal da escritora que dá nome ao prémio, se conhecerá o próximo 23 de Novembro. Este galardão, que na passada edição ganhou Javier Marías pela obra {Berta} Ilha, se concede à melhor obra de narrativa em castelhano impressa e editada durante o ano anterior à convocatória.

A decisão do júri foi dada a conhecer ontem pela vereadora de Cultura e Turismo do Ayuntamiento de Zafra, Rosa Monreal, e os secretários do certame, {Inmaculada} Palácios e Juan Carlos {Martínez}. Palácios explicou que uma comissão de leitura é a que tem selecionado as obras finalistas dentro duma lista com 25 obras.

O júri desta décimo quarta edição do certame está composto pelo crítico da revesta ABC Cultural Juan Ángel Juristo, o médico da Universidade de Salamanca Luis García Jambrina, o jornalista e escritor Manuel Pecellín; o representante da Editora Regional Francisco Amaya, o presidente da Associação de Escritores Extremenhos, Juan Ramón Santos, e Ángel Martínez Mulero, em representação do voto popular.

As notícias mais...