Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 26 de septembro de 2017

O novo Barcelona de Valverde calibra seu nível face à {Juve}

Os azuis-vermelhos, impolutos em Liga, iniciam a competição continental perante seu último verdugo

AGENCIAS deportes@extremadura.elperiodico.com BARCELONA
12/09/2017

 

O novo Barcelona do extremenho {Ernesto} Valverde se porá a prova perante o vice-campeão de Europa, o Juventus italiano (20.45 horas, Antena 3), seu verdugo na Liga de Campeões a passada campanha e que lhe servirá para calibrar seu verdadeiro nível neste arranque de curso.

A equipa azul-vermelho lidera a Liga espanhola com 9 pontos de 9 possíveis, 9 golos a favor e nenhum contra, e aos poucos vai afinando sua posta quase após cair na Supertaça de Espanha perante o Madrid. O Barça reafirmando sua identidade da mão de seu novo treinador, e ao abrigo de Messi. E, a visita da {Juve} ao Camp Nou, será um bom teste para saber em que estado de forma encontram-se os azuis-vermelhos em sua estreia na máxima competição continental.

Para medir-se aos transalpinos, Valverde tem as baixas por lesão de Arda e {Rafinha}, e a dúvida de {Sergi} Roberto, que não entrou na convocatória, por precaução, para disputar o derby barcelonês.

Valverde poderia repetir o mesmo onze que goleou ao {Espanyol} (5-0), com a única novidade de {Dembéle} no extremo direito, em perjuízo/dano de {Deulofeu}. O francês participou os últimos 22 minutos do derby oferecendo uma assistência de golo a Luis Suárez, e hoje poderia começar como um dos pontas titulares no 4-3-3 com o que presumivelmente formará o conjunto/clube azul-vermelho.

Também não é descartável que, contra o Juventus, Valverde mude o sistema e forme um 4-2-3-1 –seu desenho habitual em anteriores equipas mas que se resiste mesmo a utilizar/empregar no Barça–, o que permitiria incorporar a {Paulinho} como casal/par de Busquets no dobro pivô, por detrás dos três {mediapuntas} –{Dembélé}, Messi, Iniesta– e um avançado/ponta de lança centro, que com toda segurança seria Luis Suárez.

O que tem claro o treinador do Barça é que, sistemas à parte, Messi neste ano abandonará definitivamente o grupo direita, para jogará como falso 9 ou {mediapunta}, uma posição na qual está rendendo à perfeição neste início da época.

O Juventus, por seu lado, viajou a Barcelona sem o colombiano Juan Guillermo Cuadrado, sancionado, o lesionado alemão {Sami} {Khedira}, nem {Chiellini}, {Mandzukic} e {Howedes}, em período de recuperação. Apesar das baixas, chegará ao Camp Nou com uma garantia: o argentino Paulo Dybala, que se luziu neste começo da época com oito goleadores em quatro partidos e com umas prestações de grande liderança. Os {turineses} procurarão além disso dar continuidade a suas brilhantes atuações do ano passado perante o Barça, quando eliminaram ao plantel/elenco nessa altura treinado por Luis Enrique.

As notícias mais...