+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

El Levante {chafa} ao Madrid

El conjunto/clube branco, negado face ao golo, perde em Valência e cede a liderança

 

Morais celebra o golo do Levante ao Madrid. - EFE

CÉSAR TOLDRÁ (EFE) deportes@extremadura.elperiodico.com VALENCIA
23/02/2020

El Madrid se deixou a liderança da Liga após perder (1-0) no {Ciutat} de {València} perante o Levante num duelo que dominó a equipa de Zidane até mediado o segundo tempo mas no qual desaproveitou várias ocasiões para derrubar a um rival que reagiu para levar-se a vitória.

Sabedor de que o Barça tinha goleado à primeira hora da tarde e era líder virtual, o Madrid procurou durante tudo o jogo/partido um triunfo que lhe mantivesse no liderança mas seus erros nos metros finais e o processo de Aitor lhe privou do golo e o Levante aproveitou seu momento.

El Levante arrancou com mais intensidade que o Madrid e provocou que os primeiros minutos se jogassem mais no campo madrilismo, ao que lhe custava manejar a bola pela pressão inicial dos locais. No entanto, as primeira lances de golo foram para os visitantes nas suas primeiras aproximações à objetivo/meta de Aitor Fernández, que se teve que empregar a fundo perante um remate de Benzema no minuto 10 e perante outra de Modric um minuto depois.

Com o passo dos minutos o Madrid fez mais evidente seu domínio mas mostrava-se impreciso nos metros finais, já que combinava bem nas imediações da área do Levante mas falhava no último passe.

LESÃO DE {HAZARD} / Para além do assedio do Madrid, Aitor também teve que empregar-se a fundo numa cessão de {Toño} com o peito que ao objetivo/meta local lhe custou desbaratar após um centro de {Hazard}, que na segunda parte se retirou lesionado.

Embora o Levante também o tentou por meio de sua velocidade no ataque a defesa dos de Zidane mostrou-se muito sólida e {Courtois} apenas passou por dificuldades enquanto o Madrid incrementou nos minutos finais deste período seu acosso à objetivo/meta local mas sem poder/conseguir definir.

El Madrid deu continuidade no segundo tempo a sua ofensiva. De novo pôs couto à objetivo/meta de Aitor mas o rede defensiva local impedia ao plantel/elenco de Zidane encontrar seu prémio, enquanto o Levante tratava de aproveitar uma de seus contras.

Após as intentonas infrutuosas dos visitantes o Levante lhe perdeu o respeito ao Madrid superado o minuto 65 e começou a inquietar a um {Courtois} que apenas tinha passado por embaraços em quase tudo o choque. El Madrid tinha perdido o domínio do jogo e a equipa de Paco López, após ter aguentado bem as investidas de seu oponente, queria agora o jogo/partido.

Assim, o Levante se adiantou no marcador com um grande golo de José Morales no minuto 79 após um forte remate inclinado do capitão {levantinista}. El golo deixou tocado ao Madrid e ainda que tentou nivelar o marcador já não recuperou seus controlo no jogo perante um Levante {envalentonado} que se apetrechou bem atrás para lançar rápidos contragolpes embora o marcador já não variou.

levante 1

real madrid 0

3Gol: 1-0, m.79: Morales.

3Árbitro: Alejandro José Hernández Hernández (Comité canário). Mostrou cartão amarelo ao local Roger e aos visitantes Ramos e {Casemiro}.

3Estadio: {Ciutat} de {València}.

3Espectadores: 23.667.

3Levante: Aitor, {Miramón}, {Bruno}, Postigo, {Toño}; {Bardhi}, Campanha, {Vukcevic}, Maioral (Sergio León, m.88), Roger ({Melero}, m,67) e Morales (Pablo Martínez, m.80).

3Real Madrid: {Courtois}, {Carvajal}, Ramos, {Varane}, Marcelo, {Casemiro}, {Kroos}, Modric ({Valverde}, m.82), {Isco} (Lucas Vázquez, m.73), {Hazard} ({Vinicius}, m.67) e Benzema.