+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

O Feminino Cáceres, a usufruir seu doce momento

As cacerenhas querem perante o Juan Grande a quarta vitória seguida/continuada

 

Marina, com a bola, durante o Feminino Cáceres-Levante. - ANTONIO MARTÍN

J. J. T.
23/02/2020

Tres vitórias consecutivas soma o Feminino Cáceres, que hoy quer a quarta perante o Juan Grande (campos Manuel Sánchez Delgado, 11.00 horas), uma equipa que perdeu seus últimos sete partidos e que luta pela manutenção. As cacerenhas, enquanto, têm hoy a possibilidade de assaltar, se ganham, a sexta praça/vaga, com a autorização do {Alhama}, que tem um complicado choque perante o Fundação Albacete.

«A vitória perante o Málaga nos tem reforçado», reconhece {Ernesto} Sánchez, treinador do Feminino Cáceres, que não tem desempregado/parado de treinar apesar de que o passado fim-de-semana não teve competição. «Espero que não nos suponha um impedimento grande estar uma semana sem competir/rivalizar/disputar».

Do que está seguro o treinador é de que suas jogadoras saltam a dar o máximo para «demonstrar que a rajada positiva que levamos não é uma casualidade». Além disso, as cacerenhas querem chegar com boas sensações ao seguinte jogo/partido, o derby perante o Santa Teresa em Badajoz.

Sobre/em relação a o Juan Grande, Sánchez conta que «é uma equipa que, apesar de que lhes {ganamos} 1-2, me gostou bastante. Tem jogadoras veteranas que competem muito bem. E, apesar da má rajada de seu rival, espera que o deste domingo seja um jogo/partido muito igualado pela necessidade da equipa canário.