Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 18 de janeiro de 2018

{Elías} deixa o Villanovense para jogar no {Linense} de {Cobos}

O conjunto/clube de Villanueva de la Serena segue/continua procurando reforços para reforçar o pessoal

CARLOS PINO
10/01/2018

 

{Elías} Pérez é a primeira baixa oficial no Villanovense neste mês de Janeiro. O médio de {Puebla} de {Sancho} Pérez se despediu ontem de seus companheiros e põe rumo à {Balompédica} {Linense}, em onde voltará a coincidir com Julio Cobos, quem o contratou para a equipa de Villanueva de la Serena e que antes lhe tinha treinado no Cacereño.

Foi seu colega {Curro} o que confirmou um rumor que se vinha {barruntando} desde há vários dias no ambiente do clube. «Se nos vai um pedaço de futebolista e sobretudo uma grande pessoa. Me dói no alma que te {vayas}, te vou a ter saudades», escrevia em Twitter o médio andaluz.

O Villanovense não tardou muito em mandar um comunicado em onde explicava os motivos da saída de {Elías} de Villanueva de la Serena. Segundo o clube, o futebolista foi quem pediu ir-se embora. «Diante da insistência, por parte do jogador, de abandonar o Clube de Futebol Villanovense no presente mercado de inverno, nossa entidade tem acedido a facilitar dita saída».

O próprio {Elías} também utilizou as redes sociais para despedir-se dos adeptos e agradecer o trato recebido por parte do clube, presidente, diretiva e corpos técnicos. Também teve palavras de agradecimento à hobby/adeptos de Villanueva de la Serena. «Enormemente agradecido à hobby/adeptos porque desde o primeiro momento me {hicisteis} sentir que estava em casa e isso me o levo sempre para mim».

{Elías} Pérez chegou na época 2015-2016 a Villanueva de la Serena procedente do Cacereño. Precisamente nessa campanha e na primeira metade da seguinte se viu a melhor versão deste médio, um dos que mais qualidade tem esbanjado nos últimos anos no futebol extremenho. Para o lembrança seus dois golos perante o Racing de Ferrol na Copa del Rey, que supuseram o passe da eliminatória e encontrar-se com o Barcelona na seguinte ronda.

Essa época foi indiscutível para Julio Cobos e depois para Manolo Sanlúcar, quem também fê-lo fixo em seu onze a campanha passada até que se lesionou de gravidade na jornada 18 em Jaén. Não pôde voltar até esta época, na qual foi titular em nove dos 20 partidos disputados entre liga e Copa, marcando quatro golos. Nos últimos nove partidos oficiais do clube não saiu de início e seu número de minutos se tem ido reduzindo de maneira importante. Assim {Elías} tem disputado um total de 76 partidos defendendo ao Villanovense, nos que tem marcado 13 golos.

{Elías}, apesar de ser a primeira baixa oficial do Villanovense neste mercado de inverno, na verdade é o terceiro futebolista que não jogará mais de verde, já que a Pedro Beda e {Osterholm} ainda se lhes está procurando uma saída uma vez que já se tem anunciado que não se conta com eles.

COPA FEDERACIÓN / A equipa treinou com normalidade ontem face ao jogo/partido de Copa Federación que hoje em {Sevilla} perante o filial do {Betis} (15.45 horas), um encontro no qual Iván Ania voltará a dar minutos aos menos habituais e às novas incorporações: Dani e Diego Sánchez.

O clube segue/continua sondando o mercado para reforçar ao plantel/elenco no que diminui de segunda volta. Se procuram jogadores de grupo/ponta e de perfil ofensivo e se fala, embora não oficialmente, de nomes como o de Javi Pérez del Extremadura ou de Álvaro González, que já jogou em Villanueva de la Serena e que se desvinculou do Cartagena faz poucos dias.

As notícias mais...