+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

{Cobos} assume que o Cacereño não vive o melhor momento, mas diz ter fé

O treinador verde recorda que o seu é o melhor plantel/elenco como visitante

 

{Cobos} gesticula durante o jogo/partido perante o Extremadura B. -

J. M. O.
10/03/2020

«Se calhar não seja nosso melhor momento da época, mas a única forma de sair daí é seguir/continuar ganhando partidos». Julio Cobos, treinador do Cacereño, assume que a equipa verde não está fino, mas em absoluto dramatiza e ainda pensa que o objetivo «que nos {marcamos} ao início, o promoção», é factível. O triunfo em Azuaga tem reforçado a moral verde, segundo o treinador.

«Estamos muito contentes com o resultado porque era muito necessário». Cobos vê essa leitura em positivo do 0-1. «Era um rival difícil num jogo/partido muito competido. Ao Azuaga não lhe têm saído as coisas bem, mas diferentes motivos», acrescentou o de Valdehornillos, que diz que a equipa que dirige tem assumido bem as circunstâncias do início de liga. «Agora {tratamos} de ir jogo/partido a jogo/partido e agora já temos de pensar no do próximo domingo perante o Miajadas. Quando começamos tão mal a liga isso foi o que fizemos, e nos tem ido bem», apontou, recordando que o {CPC} é o que mais pontos conseguiu fora de casa e que desconhecia «porque é que nos têm anulado o outro golo que temos metido».

«Vamos ver para quanto nos dá», diz o treinador aludindo ao que quer inculcar a seus futebolistas. No fundo, é esse o pensamento para sonhar com o que realmente continua a ser o objetivo: ser campeões, embora já não se dependa de sim mesmos.

No horizonte estão dois partidos consecutivos em casa, perante duas equipas da zona de abaixo perante os que o {CPC} deveria somar seis pontos. No próximo domingo (12.00 horas) chega o Miajadas do histórico exjogador e treinador verde Aitor Bidaurrázaga e sete dias depois o rival será o Valdivia, que virtualmente está já descido à Primeira extremenha. Serão teste nos que a equipa espera voltar a convencer a seu hobby/adeptos de que o objetivo pode ser factível.