Menú

El Periódico Extremadura | Quarta-Feira, 14 de novembro de 2018

Arroyo de la Luz ‘corre’ até a igualdade na Corrida/curso da Mulher


13/06/2018

 

Com uma larga participação tal como acontece desde sua criação há três anos e com o necessário ambiente reivindicativo que tem tido continuidade desde no passado 8 de Março, mais de 1.500 mulheres deram-se cita/marcação/encontro o passado sábado na Corrida/curso da Mulher 2018 de Arroyo de la Luz, organizada pelo Câmara Municipal {arroyano} e a Fundação Jovens e Desporto, com a colaboração do Instituto de la Mujer de Extremadura e a Assembleia provincial Provincial de Cáceres.

As participantes voltaram a usufruir, como vem sendo habitual, de oficinas lúdico-desportivos postos em marcha durante toda a jornada, que culminaram no percurso/percorrido a pé tradicional nos arredores a centralizadora praça/vaga da Constituição da localidade, tingindo de roxo um ano mais as ruas de Arroyo de la Luz.

Um ano mais, a diretora-geral de Desportos, Conchi Bellorín, e a diretora do {Imex}, Elisa Barrientos, participaram nas atividades, mostrando-se orgulhosas da grande aceitação que sempre tem esta cita/marcação/encontro, que põe a manifesto uma vez mais que o desporto é uma ferramenta transversal imprescindível no caminho até a igualdade, destacando a figura de mulheres referentes em nossa sociedade e no desporto extremenho, como a exárbitra internacional de futebol, Pomba {Quintero}, com mais de 20 anos de corrida/curso sendo pioneira num âmbito tão {masculinizado} como o futebol, e que exerceu de {madrina} autonómica da prova.

De novo e tal como em Villanueva, nesta terceira edição da prova {arroyana} se contou com categorias Competitiva e Participativa, sendo o percurso/percorrido para ambas duns 3 quilómetros, continuando posteriormente as exibições e mestrado {class} participativas como fim de festa.

Do mesmo modo, cabe {recordar} que dentro das atividades da Corrida/curso, que neste ano contou com mais presença que nunca de mulheres chegadas desde toda a região e de toda a província de Cáceres, se levaram a cabo dois ‘{Quedadas} Prévias’ com oficinas de {Low} {Pressure} {Fitness} para dar difusão ao evento em Aliseda e Casar de Cáceres no mês de Abril, quando estava prevista inicialmente a cita/marcação/encontro final que teve que adiar-se até ao passado fim-de-semana pelas previsões meteorológicas.

Com a intervenção das autoridades e a entrega de prémios se punha final a uma jornada intensa, com larga participação e assistência durante todo o dia, situando's as assistentes até à próxima edição deste programa, incluído no projeto {Mujerext} 2018 da {FJyD}.

Um projeto global que a Fundação Jovens e Desporto está a desenvolver durante todo o ano para dar a visibilidade necessária ao desporto feminino, ao trabalho pelo {empoderamiento} das mulheres no sector e a necessidade de alcançar uma igualdade real em questões como condições laborais, implementará políticas que contribuam a consolidar e incrementar estas questões, tais como o Patrocínio Publicitário de entidades desportivas femininas e uma linha de apoio a mulheres que optem a cargos diretivos ou técnicos de âmbito Nacional e Internacional.

Durante os próximos meses não se descuidarão aspetos tão necessários como a formação, oferecendo às extremenhas as ferramentas necessárias para aumentar suas habilidades e conhecimentos como impulso até esse {empoderamiento} com ações como o IV Congresso Mulher, Desporto e Empresa, uma nova edição do Curso de Liderança da Mulher e Gestão do Talento e a criação de umas Bolsas de Formação específicas para Mulheres.

Do mesmo modo, se está a dar continuidade desde inícios de 2018 ao acordo com Teledesporto para a emissão a nível nacional de reportagens sobre/em relação a desportistas extremenhas que neste ‘ano da Mulher’ terão como protagonistas a Isabel Yinghua Hernández, Teresa Urbina, Elena Ayuso, {Marta} Calamonte ou Esperanza Mendoza, entre outras.

Além disso, a {FJyD} tem posto em marcha um novo projeto cujos objetivos principais centram-se em reduzir o abandono da prática desportiva em idades precoces e em potenciar, {visibilizar} e promover a prática da atividade físico-desportiva em mulheres, sendo seu nome ‘Igualdade mais Desporto’ ({I+DxT}), que se estrutura numa linha dirigida a modalidades de plantel/elenco através de clubes feminino extremenhos, e outra de modalidades individuais nas que se contará com diferentes Federações Desportivas da nossa região.

Até ao momento, na secção de clubes, o Santa Teresa e o Clube Voleibol/vólei Nossa Senhora da Luz têm organizado com grande êxito os I Torneios Internacionais da Extremadura de Futebol e Voleibol/vólei Feminino, respetivamente, nas categorias {alevín} e juvenil, sendo a seguinte cita/marcação/encontro no calendário o primeiro evento vinculado a Federações Desportivas Extremenhas, a de natação neste caso, com a I Travessia Internacional da Extremadura pela Natação Feminina que terá lugar o 30 de Junho em Olivença.

As notícias mais...