Menú

El Periódico Extremadura | Segunda-Feira, 18 de junho de 2018

{Armstrong}, suspeito de dopagem mecânica

EFE MADRID
11/01/2018

 

Um livro publicado ontem em França coloca ao excorredor estado-unidense Lanço {Armstrong} como suspeito de ter sido o primeiro em recorrer ao dopagem mecânica no ciclismo, que consistiria em colocar um diminuto motor na bicicleta.

«{Rouler} prémio {vite} que a {mort}» (correr mais rápido que a morte) é autorià do jornalista {Philippe} {Brunel} e relata suspeitas coincidências atiram de novo dúvidas sobre/em relação a {Armstrong}, quem já perdeu por dopagem de {EPO} e testosterona os sete Tour de França que ganhou entre 1999 e 2005.

Segundo Lhe {Monde}, {Brunel} revela que o estado-unidense começou a ganhar pouco/bocado depois de/após que {Istvan} {Varjas}, o engenheiro húngaro considerado como o cérebro do dopagem mecânica no ciclismo, cedesse em 1998 seu invento a uma pessoa que não conhecia em troca duma quantidade/quantia anual que ia em aumento.

Em declarações ao rotativo, {Armstrong} apelidou de «brincadeira» as suspeitas vertidas contra ele. Lhe {Monde} evocou além disso que a Justiça francesa já tem aberta uma investigação pelo uso de motores nas bicicletas em provas ciclistas recentes.

As notícias mais...