Menú

El Periódico Extremadura | Quinta-Feira, 2 de abril de 2020

Apoteótica prorrogação em {Liverpool}

O Atlético de Madrid elimina ao campeão de Europa com dois golos de {Llorente} e outro de {Morata}

MANUEL SÁNCHEZ (EFE)
12/03/2020

 

Com um {Jan} {Oblak} incomensurável, um tragicómico erro de Adrián San Miguel e uma dobradinha de Quadros/Marcos {Llorente}, o Atlético de Madrid aguentou a adrenalina de um elétrico {Anfield} (2-3) para passar na prorrogação e perante o último campeão, o {Liverpool}, aos quartos-de-final da Liga de Campeões.

{Llorente}, com os tantos já no marcador de {Georginio} {Wijnaldum} e Roberto Firmino, aproveitou um terrível erro de Adrián e uma contra perfeitamente executada para inclinar a eliminatória a favor dos espanhóis depois de/após 97 minutos de puro sofrimento diante da hobby/adeptos inglês.

Durante a primeira meia hora de jogo, o Atlético desapareceu. O {Liverpool} estava a gosto, mas encontrava-se com uma defesa de cinco no ataque, ao ajudar Correia no lateral de {Robertson}. Os centros laterais e frontais eram um {caramelito} para {Savic} e Felipe, mas só/sozinho por inércia o {Liverpool} chegava.

Cabeçada de Firmino que apanhava {Oblak}, remate em cima de {Salah}, {Mané} desde fora da área para que {Oblak} parasse em dois tempos. Era o guarda-redes o que mantinha ao {Atleti} e Felipe o que quase levantou aos adeptos de seus assentos com um remate de cabeça num pontapé de canto que se foi embora {lamiendo} o primeiro poste.

O descanso/intervalo, longe de beneficiar aos do {Cholo}, esteve prestes a deixar fora de combate'ls e o {Liverpool} usufruiu de 15 minutos de total arrase, mantendo's na eliminatória por {Oblak}.

Uma contra, na qual Joao Felix se plantou só/sozinho e seu disparo o tirou Adrián, mandou o aviso de que o {Atleti} também estava. Mas embora {Saúl} pedia aos seus que {salieran} da gruta, não tinha maneira de desfazer-se do {atenazamiento}. Enquanto, {Anfield} cantava um golo que nunca aconteceu porque um cabeçada de {Robertson}, a dois metros da baliza se {estrelló} no trave, e porque um remate de {Alexander}-Arnold desde/a partir de a frontal foi anulado com uma ‘{palomita}’ de {Oblak}.

O {Liverpool} estava usando uma estratégia de terra queimada, dando-o tudo, sem pensar numa prorrogação que estava muito perto. Lançando's sem conhecimento à objetivo/meta de {Oblak}, o que esteve prestes a custar-lhes o jogo/partido. No último minuto, {Alexander}-Arnold viu-se obrigado a fazer uma falta sobre/em relação a Joao Félix, a pendurou o {Atleti} e a mandou para dentro {Saúl}, mas o galhardete estava em cima, por fora-de-jogo.

O segundo do {Liverpool} esteve prestes a chegar antes nas botas de {Salah}, num {eslalón} maravilhoso; e em dois chilenas de {Mané}, mas com o 1-0 no fim do tempo regulamentar se chegou à prorrogação.

DE {OBLAK} A {LLORENTE} / Se o Atlético seguia/continuava vivo, era pelo eslovaco, que se luziu no tempo extra negandole o golo a {Wijnaldum}. Mas pouco/bocado pôde fazer na seguinte, outra vez os laterais ganhavam a verba/partida. {Alexander}-Arnold pôs um centro moderado, Firmino se elevou só/sozinho, encontrou-se com a madeira de primeiras, mas o rejeite lhe caiu morto ao pé para colocar o 2-0.

Foi um balde de água fria que arranjaria Adrián. O guarda-redes espanhol enganou-se numa saída de bola, lhe ofereceu o couro a Joao Félix, este se o deu a Quadros/Marcos {Llorente} e o meio alojou a bola numa esquina.

Ia ser sua noite. {Llorente} num contra-ataque sentenciou o choque com um enorme disparo desde fora da área. Com os adeptos indo-se embora de {Anfield}, {Morata} deu a última estocada, num contra-ataque, saindo vitorioso o Atlético.

{LIVERPOOL} 2

ATLÉTICO 3

3Goles: 1-0. {Wijnaldum}, m.43, 2-0. Firmino, m.94, 2-1. {Llorente}, m.97, 2-2. {Llorente}, m.105+1 e 2-3. {Morata}, m.120.

3Árbitro: {Danny} {Makkelie} ({HOL}) admoestou a {Morata} (m.119) por parte dos visitantes.

3Estadio: {Anfield} {Road}.

3Espectadores: 54.000.

3Liverpool: Adrián; {Alexander}-Arnold; Vão {Dijk}, {Gomez}, {Robertson}; {Henderson} ({Fabinho}, m.106), {Wijnaldum} ({Origi}, m.106), {Oxlade}-{Chamberlain} ({Milner}, m.81); {Mané}, Firmino ({Minamino}, m.113) e {Salah}.

3Atlético de Madrid: {Oblak}; {Trippier} ({Vrsaljko}, m.90) Felipe, {Savic}, {Lodi}; {Koke}, Thomas, {Saúl}, Correia ({Giménez}, m.106); Costa ({Llorente}, m.56) e Félix ({Morata}, m.103).

As notícias mais...